Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » Psicologia: guia completo da carreira e do curso

Psicologia: guia completo da carreira e do curso

O profissional da área de Psicologia estuda o funcionamento da mente humana, em todos os aspectos da mesma, de acordo com sua abordagem. Aspectos esses que englobam, mas não se limitam ao estudo do comportamento, do inconsciente, da consciência humana e da personalidade.

Olá, leitor!

O curso de Psicologia possibilita ao estudante compreender o funcionamento da mente humana em sua totalidade, localizando-a nos contextos social e temporal, expandindo a compreensão do papel da mesma em todas as relações humanas, desde aspectos clínicos, como profissionais e educacionais.

O profissional desse ramo está em constante contato com a mente humana, por isso, é preciso que se tenha interesse e cuidado por todas as expressões do ser humano.

>> Confira Bolsas de Estudo com até 70% para o Curso de Psicologia

Possuir boa comunicação também e essencial, pois diversas atividades dessa área lidarão diretamente com o ser humano, bem como concentração, organização e disciplina.

É de suma importância que o profissional de Psicologia busque sempre se atualizar. A psique humana sofre constantes mudanças, de acordo com a vivência e o ambiente no qual a pessoa está inserida. Por isso, é mais que necessário sempre estar à par dessas possíveis alterações, então, manter-se nos estudos é fundamental!

Sobre o curso de Psicologia

guia-psicologia

A graduação em Psicologia é oferecida na habilitação de bacharelado apenas, sendo que geralmente duram cinco anos, podendo ser integral ou em turnos. Durante a faculdade o aluno aprende sobre diversos aspectos da mente humana e diversas abordagens da mesma. Sendo assim, as matérias teóricas ocupam os dois primeiros anos e parte significativa dos anos seguintes.

Entre as matérias teóricas estão os aspectos das abordagens diversas, como fenomenológica, comportamental e psicanalítica. Geralmente, o aluno opta nos últimos anos pelas abordagens de preferência, porém deverá ter noção de todas.

Ao final da graduação, o aluno deverá realizar um estágio obrigatório, geralmente em clínicas da própria instituição, trabalhos extracurriculares clínicos, organizacionais ou educacionais e um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Mercado de Trabalho

Essa área, diferente do que muitas pessoas acreditam, não se limita apenas a trabalhar no meio clínico, ou seja, dentro de um consultório de psicologia. O profissional desse ramo pode exercer diversas atividades que necessitam do conhecimento da mente humana, dentre as seguintes opções:

  • Organizacional – Dentro de empresas. Desde a seleção do candidato até qualquer relacionamento profissional dentro da empresa.
  • Educação – Em escolas públicas e particulares. Auxilia na criação de projetos pedagógicos para melhor integração entre alunos, professores e pais.
  • Saúde – Pode trabalhar em hospitais, na recuperação de pacientes. Pode também auxiliar outros profissionais de saúde para uma saúde plena do paciente.
  • Pesquisa – Pode trabalhar em universidades e núcleos de pesquisa para fazer a profissão evoluir como um todo.
  • Mediação – Na área jurídica. Em conjunto com advogados e assistentes sociais.

Principais opções de trabalho

As principais áreas de trabalho para o profissional de Psicologia estão espalhadas nas atividades citadas acima, contudo, algumas profissões de destacam uma das outras devido as suas particularidades e benefícios.

Três dos trabalhos mais procurados, são:

Clínico

Optar pela carreira de clínico possibilita ao profissional um alto índice de empregabilidade, ou seja, poderá haver grandes oportunidades. Isso porque diversos convênios oferecem muitas vagas. Mesmo não sendo uma profissão com alto retorno financeiro, se formos calcular toda a carga horária e investimento inicial, trabalhar como clínico atrai muitas pessoas devido a estabilidade e possibilidade de ascensão profissional.

Além disso, é possível também ser um clínico independente, sem depender de repasse dos planos, cobrando assim o valor integral. Contudo, se quer mesmo ganhar dinheiro sendo clínico, é necessário que o aluno continue estudante e faça especialização, pós-graduação, mestrado e/ou doutorado para aprimorar a carreira.

Organizacional

Optar pela carreira organizacional possibilita ao profissional alta rentabilidade, pois amplia a área de atuação do psicólogo dentro da empresa.

O profissional tem a possibilidade de fazer recrutamento e seleção de candidatos, bem como projetos de integração de funcionários novos com a empresa e treinamentos de forma geral. Também é possível emitir laudos acerca da saúde das relações de trabalho da empresa e desenvolver projetos para melhorar a situação da mesma.

Mediação

Optar pela carreira de mediação possibilita ao profissional muitas oportunidades de resolução de conflitos, pois trabalha junto a um advogado para resolução de conflitos jurídicos na esfera civil.

O profissional pode, por exemplo, trabalhar com um casal que esteja se separando ou adotando um filho, para a experiência ser a mais saudável possível. Pode, também, trabalhar em presídios, com terapias de grupo, para promover a ressocialização dos internos, entre outros.

Onde um profissional de Psicologia pode atuar?

O profissional de Psicologia pode atuar nos seguintes lugares:

  • ONGs
  • Escolas de ensino fundamental e médio
  • Escolas particulares
  • Universidades
  • Empresas
  • Agências de RH
  • Hospitais
  • Clínicas
  • Pesquisador e palestrante

Outras opções de trabalho da Psicologia que estão em destaque

Além das áreas e opções de campos de atuações que citamos acima para os profissionais de Psicologia, existem algumas atividades que estão em evidência e estão sendo pouco exploradas ou necessitam de uma demanda maior de profissionais para trabalhar com os tipos de segmentos que veremos logo abaixo. Portanto, confira outras atividades que os psicólogos podem exercer:

  • Comportamento do consumidor: Essa área é responsável por analisar o comportamento de determinado grupo de consumidores e orientar o marketing de produtos.
  • Neuropsicologia: Atua no diagnóstico, tratamento e pesquisa da cognição, emoções, personalidade e comportamento com foco na relação entre esses aspectos e o funcionamento cerebral.
  • Orientação profissional: Atua no aconselhamento de jovens e adultos em aspectos relacionados à escolha da carreira, cursos e profissões a seguir.
  • Psicologia educacional: Atua no atendimento a pais e alunos com problemas de aprendizagem, além de colaborar na elaboração de programas educacionais para escolas e creches.
  • Psicologia esportiva: Atua na orientação e no preparo emocional de atletas para a participação em partidas esportivas e competições.
  • Psicologia hospitalar: Atua no atendimento de pacientes hospitalizados e seus familiares.
  • Psicologia jurídica: É responsável pelo acompanhamento de processos de adoção, violência contra menores e guarda de filhos. Também atua na avaliação psicologias de detentos.
  • Psicologia social: Acompanha detentos, idosos em asilos e crianças e adolescentes em abrigos, além de poder elaborar programas e pesquisas relativas à saúde mental da população.
  • Psicologia organizacional e do trabalho: Atua nos processos seletivos de funcionários para empresas, na promoção das relações sociais entre os empregados e no treinamento e formação da equipe de Recursos Humanos.

Média Salarial

Muito embora, hoje, não exista piso nacional para profissionais de psicologia, a média, de um profissional graduado, com jornada semanal de 40 horas, é de R$ 2.380, mas isso pode variar bastante de acordo com a área escolhida e região em que o profissional reside.

Ganho no auge (média mensal) é acima de R$ 4,8 mil. O auge da carreira da maioria dessas atividades é de cinco anos, em média.

Dica extra

As dicas a seguir são mais específicas para os profissionais de Psicologia que querem abrir o seu próprio consultório, tendo em mente que nesses casos, muitos profissionais encontram dificuldades em se estabilizar.

Sendo assim, caso você tenha contato com profissionais das áreas da saúde tais como psicopedagogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais proponha a estes profissionais estabelecer uma “ponte” que facilite o intercâmbio de pacientes que poderão ser atendidos em comum.

Além disso, você também pode fazer um investimento grande na divulgação do seu próprio nome, pois seu objetivo sempre deve ser construir a sua carreira como Psicólogo Clínico. Participe sempre de eventos dentro do CRP ou do Sindicato dos Psicólogos (muitas vezes gratuitos).

Não economize nos contatos pessoais, sempre que possível prefira este tipo de contato, pois nada é mais marcante do que uma conversa com um profissional bem apresentado e confiante, disposto a fazer parcerias. Atualmente todos os profissionais tem interesse em parcerias, nas quais possam confiar, para ampliar as suas próprias possibilidades.

Para os demais profissionais que querem seguir por outras áreas, a dica de ouro é: buscar constantemente a atualização e a especialização, por meio de cursos de aperfeiçoamento e pós-graduação.

>> Confira Guia Completo do Curso de Psicologia

Onde encontrar o curso de Psicologia?

O curso de Psicologia é facilmente encontrado em universidades públicas e particulares. Contudo, separamos uma lista com as principais faculdades do Brasil que disponibilizam esse tipo de curso. Confira:

AC:
– Rio Branco – Ufac

AL:
– Maceió – FAT-AL

AM:
– Manaus – FMN

AP:
– Macapá – Fama-AP

BA:
– Irecê – FAI-BA

CE:
– Fortaleza – Faculdade Ari de Sá; FA7

DF:
– Brasília – UnB; Unieuro

ES:
– São Mateus – Multivix-São Mateus

GO:
– Catalão – Cesuc

– Anápolis – UniEvangélica

MA:
– São Luís – FMN-São Luís

MG:
– Belo Horizonte – UFMG; Newton Paiva

– Juiz de Fora – UFJF

– Divinópolis – UEMG

MS:
– Campo Grande – Unigram Capital

MT:
– Juína – Ajes Faculdades

– Várzea Grande – Sedac

PA:
– Belém – Famaz

PB:
– João Pessoa – FPB

PE:
– Belém de São Francisco – Facesf

– Recife – DeVry FBV; IBGE IBF

– Arcoverde – Essa

PI:
– Parnaíba – Unirb/Fateci

– Teresina – Faespi

PR:
– Curitiba – PUC-PR; UFPR; Uniandrade

– Londrina – PUC-PR

RJ:
– Rio de Janeiro – USU

RN:
– Santa Cruz – UFRN

– Mossoró – UnP

RO:
– Ji-Paraná – Unijipa

RR:
– Boa Vista – Cathedral

RS:
– Santa Maria – Sobresp

– Bento Gonçalves – Cnec Bento

– Porto Alegre – Famaqui

SC:
– Florianópolis – UFSC

– São José – União Bandeirante

SE:
– Aracaju – Unirb-SE

SP:
– Ribeirão Preto – USP

– São Carlos – UFSCar

– São Paulo – USP, Mackenzie, PUC-SP

TO:
– Miracema do Tocantins – UFT

Veja o infográfico completo sobre o carreira e curso de psicologia

guia-completo-carreira-psicologiamarcadagua-01

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo