Você está aqui:Home » Vídeo Aula » Empreendedorismo » Por que ser empreendedor no século XXI?

Por que ser empreendedor no século XXI?

Vivemos na era da tecnologia, inovação e ecologia. Portanto, os profissionais que estão em sintonia com essa nova perspectiva são os mais requisitados

Olá, leitores!

Por que ser um empreendedor no século XXI?

Porque as boas ideias possuem um alto valor no mercado atual. Mas, para colocá-las em prática é necessário mais do que criatividade, é fundamental conhecer as áreas de atuação, saber como ser um empreendedor e como atuar no mercado de trabalho de maneira sustentável. Conheça cada um destes detalhes no texto a seguir.

Vantagens de ser um empreendedor no século XXI

Os empreendedores fazem parte de um importante grupo de pessoas que trazem muitos benefícios para a sociedade atual, tanto na qualidade de vida, através dos avanços na ciência, quanto no conhecimento, com suas contribuições na comunicação e suas tecnologias, além da geração de capital e empregos.

Em um mercado de trabalho que, em muitos momentos se torna saturado e geralmente é bastante competitivo, ser um empreendedor pode ser uma excelente forma de atuar profissionalmente e gerar mais empregos. Ser um empreendedor também pode trazer vantagens que tornam esta atividade ainda mais atraente, como:

  • Autonomia e liberdade para tomar decisões;
  • Flexibilidade nos horários;
  • Poder trabalhar com aquilo que gosta;
  • Rendimentos maiores do que quando se é empregado;
  • Estabilidade e independência do capital e de empregadores.

Áreas de atuação de um empreendedor

O campo de atuação de um empreendedor é irrestrito. No entanto existem áreas de atuação que, nos últimos anos, têm crescido e se mostrado muito atraentes para os novos empreendedores, entre elas estão:

  • E-commerce;
  • Novas mídias;
  • Saúde;
  • Educação;
  • Negócios sociais;
  • Logística.

Ainda assim, especialistas recomendam aos novos empreendedores que não é aconselhável investir em uma área apenas por modismo. O conhecimento profundo das necessidades do mercado é fundamental.

Os empreendedores de hoje são pessoas que desenvolvem trabalhos voltados para a resolução de problemas das pessoas e da sociedade. No entanto, o conhecimento, ou seja, expertise na área de atuação é muito necessário. Por isso, vários empreendedores buscam uma associação na qual o sócio complemente seus conhecimentos como forma de ampliação de sua atuação e divisão de atribuições.

Como ser um jovem empreendedor?

empreendedor-e-semente-de-dinheiro

Ainda que timidamente, existem algumas escolas de Ensino Fundamental que trabalham com alguns conceitos básicos do empreendedorismo em suas aulas, pois já perceberam que o sonho de muitos jovens, principalmente quando são recém-formados, é abrir o seu próprio negócio. Para quem está envolto neste desejo, selecionamos algumas dicas básicas, recomendadas por especialistas no assunto. Anote-as:

  • Escreva suas ideias. Não deixe que as boas ideias e insights sejam esquecidos. Alguns deles podem ser o início de um grande empreendimento;
  • Converse e compartilhe. Algumas pessoas que já atuam no mercado podem dar dicas preciosas além de ajudar a clarear suas ideias;
  • Encontre parceiros. Muitas vezes, a colaboração é uma ótima forma de acelerar a tomada de atitudes e a busca por soluções que sozinho poderiam demorar demais para serem resolvidas;
  • Seja um aprendiz. O estudante encontra facilidade para encontrar um mentor ou orientador disposto à ajudá-lo no início de sua empreitada e nesta posição não o enxergarão como um concorrente.

Como atuar no mercado de trabalho de maneira sustentável?

Atualmente, o empreendedor, além de contribuir para a geração de capital e empregos, tem a missão de desenvolver projetos de acordo com os valores da sustentabilidade.

O empreendedorismo orientado à sustentabilidade é um conceito recente que combina simultaneamente a geração de valor econômico, social e ambiental.

Para muitos autores que abordam o tema, o empreendedor considerado sustentável é aquele cuja motivação principal é resolver problemas sociais e ambientais por meio de um negócio de sucesso.

Portanto, os empreendedores que se mostram mais conscientes em relação à sustentabilidade são também os que demonstram as reais atitudes e valores inovadores, tão esperados em um empreendedor bem-sucedido no século XXI.

Gostaram de conhecer um pouco mais sobre o assunto? Desejam saber mais? Deixem seus comentários ou sugestões!

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo