Você está aqui:Home » Dicas » Bolsa de Estudo » O que fazer para conseguir uma bolsa de estudo em Harvard

O que fazer para conseguir uma bolsa de estudo em Harvard

Olá, leitor!

Uma das Instituições de Ensino mais renomadas do mundo é Harvard. Uma das Universidades mais antigas de Cambridge, Massachusetts. Foi fundada em 1636 e hoje é alvo da maioria dos estudantes que pensam em estudar fora. Conseguir uma bolsa de estudo em Harvard não é tão complicado assim, mas exige alguns pontos de atenção.

Os maiores nomes da economia, cinema e presidência passaram por Harvard. Oito presidentes que fizeram história nos estados Unidos estudaram em Harvard e dentre os ex alunos, mais de 70 já registraram seu nome com prêmio Nobel. A partir disso já dá pra entender qual o tipo de perfil que a Instituição procura.

A escolha da Universidade impacta muito no futuro profissional do aluno. Além disso, quem estuda em Harvard sai com uma bagagem imensa de cultura, conhecimento, networking e recomendações de boas oportunidades ao redor do mundo.

Mas será que é possível conseguir uma bolsa de estudo em Harvard? Como estudar em Harvard de graça e ainda usufruir de uma das melhores metodologias de ensino do mundo? Separamos algumas dicas e informações importantes que vão te ajudar a clarear essas dúvidas. Confira!

Como funciona o processo seletivo em Harvard?

conseguir_uma_bolsa_de_estudo_em_harvard_como_estudar_de_graca_em_harvard

 

O número de brasileiros que opta por finalizar graduação ou iniciar a pós-graduação fora do Brasil cresceu significativamente nos últimos anos. Hoje não é mais uma complicação estudar fora, pois, há muitas Universidades que destinam bolsas de estudos especificamente para estrangeiros. Isso facilita muito o ingresso do aluno, por isso é bom ficar atento a todas as oportunidades de bolsas de estudo que surgem aqui no país.

O processo seletivo de Harvard é semelhante ao sistema aqui do Brasil. O que difere e que alguns alunos acabam se surpreendendo é a realização de testes padronizados como o SAT e ACT. Além disso, são exigidos alguns documentos e mais testes como:

  • Teste de proficiência do idioma inglês (TOEFL e IELTS);
  • Carta de recomendação de alguma Instituição renomada aqui do Brasil;
  • Análise de currículo acadêmico, normalmente exige excelência;
  • Essays;
  • Redação pessoal para mostrar o potencial do aluno. Uma forma de convencer a Universidade que você é elegível para estudar lá.

Exatamente por tantos requisitos é que poucos alunos conseguem vaga na Universidade que é rigorosa quanto à seleção. De acordo com pesquisas, cerca de 6% do total de inscritos conseguem vaga em Harvard.

Essa estatística pode assustar, mas não é impossível conseguir uma bolsa de estudo em Harvard. Há relatos de brasileiros que sempre estudaram em escolas públicas e hoje estão cursando na Universidade mais famosa dos estados Unidos.

Estudar em qualquer país que seja, requer um planejamento rigoroso e isso precisa ser feito com muita antecedência. Veja a seguir um passo a passo de como estudar em Harvard de graça!

7 Passos para conseguir uma bolsa de estudo em Harvard

1 – Antecipação do preparo

Quem pensa que se preparar para estudar em Harvard é fácil, está enganado. O preparo ideal para ter chances de concorrer a uma bolsa de estudos na Universidade deve ter início desde o Ensino Médio.

Um dos requisitos básicos para ser aceito na Instituição é apresentar um histórico impecável do Ensino Médio. A avaliação é realizada tendo como base a média, em comparação ao restante dos alunos, ou seja, se o aluno se destaca entre os melhores alunos da sala.

O interesse do aluno também é avaliado, assim como a força de vontade em otimizar suas notas e avançar o desempenho gradativamente. Se a Instituição percebe que o aluno é aplicado e tenta se superar, terá maiores chances.

2 – Se prepare para os testes

Testes como o SAT (Scholastic Assessment Test) e ACT (American College Testing) são os mais temidos, assim como o ENEM aqui no Brasil. Esse teste é normalmente aplicado em estudantes do Ensino Médio, a fim de avaliar e registrar o conhecimento do candidato.

Assim como o ENEM, o SAT é dividido em etapas, onde as disciplinas e níveis de conhecimentos são aplicados separadamente. Há 2 fases, a primeira aborda as disciplinas básicas, enquanto a segunda é mais específica. Um ponto positivo para quem quer passar no teste é que o candidato pode optar por 18 disciplinas que quer ser avaliado.

3 – Proficiência americana

Não há dúvidas de que o candidato precisa apresentar um resultado excelente para o teste de proficiência. O teste mais realizado é o TOEFL. O resultado máximo é 120 pontos, enquanto para entrar em Harvard é exigido o mínimo de 100 pontos.

Portanto, praticar o idioma nas horas vagas enquanto se prepara para Harvard é imprescindível para conseguir uma bolsa de estudos no exterior.

4 – O que você faz fora da sala de aula?

O que você faz fora da sala de aula também conta como vantagem para ser aceito em Harvard. Por exemplo, algo em comum entre os alunos brasileiros que conseguiram vaga é que criaram ou participavam de algum projeto social. Além disso, praticavam outras atividades como música, atividades esportivas, etc.

5 – Títulos

Você já participou de alguma olimpíada realizada nas escolas? Ter méritos, medalhas e prêmios irá te diferenciar dos outros alunos e Harvard vê isso com bons olhos.

Para ser selecionado e conseguir uma bolsa de estudo em Harvard é interessante que o candidato apresente algum prêmio, de preferência nas principais disciplinas que mais gosta. Isso demonstra que o aluno se empenha na área em que mais tem afetividade. O perfil de aluno que a Universidade precisa.

6 – Aprimore seus conhecimentos com conteúdo de Harvard

A Harvard Extension School é uma escola online que oferece mais de 800 cursos para te ajudar a ganhar mais potencial, desenvolver novas habilidades ou até mesmo obter uma credencial em Harvard.

São cursos que podem ser feitos de qualquer lugar e você pode se especializar mais na área em que pretende estudar ou aproveitar para aprender novas áreas e mostrar que é aplicado.

Com uma política de inscrição aberta, qualquer aluno que tenha motivação pode se inscrever e é bem-vindo. Prove nesses cursos, que você é um aluno exemplar e poderá ganhar seu curso em um programa de graduação em Harvard, o que acha?

7 – Preparação financeira

Além de todos esses itens para se preparar, não se pode esquecer da parte financeira, afinal, ela também conta para ser aprovado. Acontece que para entrar em Harvard com uma bolsa de estudo integral, você precisa provar que conseguirá se manter no país durante o período acadêmico.

Esse montante não precisa ser exatamente gasto durante todo o ano letivo, é mais como uma garantia de que você não irá passar necessidades no país.

Quer saber como estudar de graça em Harvard? Então seja interessante, esse é o nosso conselho. Procure dar o máximo de si em tudo o que se propor a fazer. Estude muito para obter excelentes resultados e um currículo recheado de atividades extracurriculares. Isso irá te destacar e facilitar o seu ingresso na Universidade.

Boa sorte!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo