Você está aqui:Home » Dicas » Artigos » Morar no Exterior Será uma Solução para Fugir da Crise?

Morar no Exterior Será uma Solução para Fugir da Crise?

Hey my friends!

Eu tenho o hábito de assistir programas de notícias para me sentir fazendo parte do Brasil…

E não sei se vocês fazem isso, mas eu vejo sempre que posso e aprendo muito!

Uma coisa bem nítida que percebemos com esses programas ultimamente é que tem se falado muito em crise…

Crise financeira, crise econômica…

Os brasileiros parecem todos querer fugir do país para fugir da crise, né?

Isso sempre me entristece, porque eu amo esse país e as pessoas daqui…

Mas se essa ideia já passou pela sua cabeça, vou falar sobre uma coisa importante que tem tudo a ver com isso.

O assunto de hoje tem a ver com isso porque já falei com diversas pessoas que me perguntam se a melhor estratégia para fugir da crise no seu país não seria morar no exterior.

Será que morar no exterior é a melhor opção para fugir da crise?

Eu não sou nenhum expert em economia ou política, mas posso falar do que eu entendo: morar fora do seu próprio país e aprender o idioma local para evoluir profissionalmente.

Ou seja: sair do próprio país para ter uma vida melhor!

Quem nunca pensou nisso não é?

O que você perde e o que ganha morando no exterior para fugir da crise

Desvantagens

Choque cultural

Uma das primeiras coisas que pegam um expatriado desprevinido é o choque cultural. Principalmente quando você enfrenta uma situação onde, no seu entendimento, seria algo muito ofensivo ou sem noção e, ali naquele lugar é a coisa mais normal do mundo. Dá um nó na cabeça e demora um pouco pra você se acostumar.

Começar do zero não é facil

 Uma das coisas que as pessoas sempre falam como positivo é a questão de começar uma vida nova em outro país. Claro que tem a parte legal disso, mas eu preciso dizer que não é um processo fácil e indolor. Pelo contrário, dói bastante! É complicado olhar para os lados e não saber direito como comprar um item básico no mercado ou como achar um dentista, por exemplo. Dá um pouco de desespero no início.

 Distância dos familiares e amigos

 Esse item você vai dizer: ah, Kevin, é claro que a gente sente saudades dos amigos e familiares, mas esse não é um grande problema. Quando você está há quilômetros de distância e não pode participar de situações cruciais vividas pela sua família e amigos, isso se torna um grande problema. O nascimento de um novo membro da família, a perda de um ente querido… Tudo isso pode acontecer e você não vai estar presente. É algo para se considerar.

Você sempre será um estrangeiro

Mesmo que você já esteja super adaptado ao país, trabalhando, vivendo sua vida como todos os que te rodeiam, você sempre será um estrangeiro. Sempre será o “gringo”, sempre será questionado por que deixou seu país de origem, o que está fazendo ali, sempre terá alguns olhares de reprovação (bem intencionados ou não). Acostume-se!

 Vantagens

Os seus horizontes aumentam

Ser estrangeiro não é fácil, mas é muito libertador perceber que você tem jogo de cintura suficiente para enfrentar o processo de viver fora do seu país de origem. Sua visão de mundo vai mudar, você terá seus horizontes ampliados de uma maneira que não dá pra descrever.

Maior qualidade de vida

É inegável que países europeus ou mesmo os EUA oferecem uma ótima qualidade de vida para quem está habituado com falta de segurança e poucas opções gratuitas de diversão.

 Maiores possibilidades profissionais e financeiras

 Esse item é o que todo mundo considera quando pensa em morar fora. Sim, você terá uma possibilidade maior de ganho financeiro, ou seja, você vai conseguir ganhar mais dinheiro. Mas é preciso entender que você vai trabalhar muito também e que as regras trabalhistas que se aplicam no Brasil não se aplicam no exterior. É preciso entender qual é o seu perfil profissional antes de se aventurar e ver que não era bem isso que você tinha em mente.

Boa estrutura para a família

Alguns países estrangeiros possuem uma infra-estrutura espetacular para quem tem filhos pequenos. As redes públicas de ensino são realmente excelentes, o foco nas atividades ao ar livre, o desenvolvimento do ser humano nesses lugares é realmente levado a sério.

Morar fora do seu país de origem, como tudo na vida, possui vantagens e desvantagens.

Cabe a você analisar os prós e contras e decidir se essa é a melhor estratégia ou não.

Depois compartilhe aqui sua opinião, quero saber o que você pensa sobre isso!

>> Quer Receber Dicas de Inglês no Seu E-mail? CLIQUE AQUI!

 Escrito por

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo