Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » Guia sobre pós-graduação

Guia sobre pós-graduação

Olá, leitores!

A cada dia que passa, o mercado de trabalho fica mais competitivo, o número de vagas diminui e as exigências que as empresas impõem no momento da entrevista aumentam, prejudicando quem tem uma formação acadêmica mais básica.  Por isso, a quantidade de pessoas que buscam fazer cursos de graduação, especialização e pós-graduação cresceu de maneira significativa nos últimos anos. Dados do Ministério da Educação mostram que em 1996  existiam 67.820 alunos matriculados em cursos de pós-graduação no país. Já em 2003, esse número quase dobrou, passando para 112.237. Hoje, ao todo, há mais de 120 mil estudantes de pós-graduação no Brasil, concentrados nas áreas de ciências humanas, engenharias, ciências da computação e ciências da saúde.

Diante dessas informações, é importante esclarecer alguns pontos sobre os cursos de pós-graduação. No Brasil, existem duas modalidades, que são a Lato Sensu e a Stricto Senso. Mas você sabe o que diferencia cada uma delas? Vamos explicar ao longo desse artigo.

O que é um curso de pós-graduação?

menino-lendo-livro-formatura

Imagem Reprodução

Os cursos de pós-graduação são voltados para quem já fez graduação e pretende aprimorar seus conhecimentos ou se especializar em um campo específico de sua formação. Também existem pessoas que fizeram  graduação, mas atuam em um setor completamente diferente, e por isso, decidem fazer uma pós-graduação para se especializar nessa nova área de trabalho.

Veja agora as principais diferenças entre os cursos de pós-graduação que são autorizados pelo Ministério da Educação.

1. Lei sobre os cursos de Lato Sensu e Stricto Sensu

De acordo com o  Art. 44, III, Lei nº 9.394/1996, pós-graduações no estilo Lato Sensu abrangem os programas de especialização e os cursos chamados de MBA (Master Business Administration). As atividades devem ter duração mínima de 360 horas e, ao final, dão direito a um certificado, não a um diploma. Além disso, o candidato à vaga de pós-graduação Lato Sensu deve atender às exigências impostas pela instituição na qual deseja realizar o curso.

Por sua vez, pós-graduações Stricto Sensu compreendem os programas de mestrado, doutorado e pós-doutorado disponíveis para estudantes que tenham concluído cursos superiores e que atendam às exigências das instituições de ensino e do edital de seleção. Diferente da pós-graduação Lato Sensu, ao final do curso, o aluno receberá um diploma referente a uma nova formação acadêmica.

2. A quem se destina

Os cursos de pós-graduação Lato Sensu são destinados para pessoas que pretendem aprofundar seus conhecimentos na área em que atuam no mercado de trabalho.

Já os cursos de pós-graduação Stricto Sensu são voltados para quem busca seguir carreira acadêmica, dando aula ou desenvolvendo pesquisas científicas.

3. O objetivo do aluno

Os alunos que procuram uma pós-graduação Lato Sensu têm como objetivo o aperfeiçoamento profissional, visto que o que é aprendido nessa modalidade de curso pode ser colocado em prática facilmente.

Por sua vez, aqueles que fazem uma pós-graduação Stricto Senso, geralmente, são pesquisadores acadêmicos que buscam adquirir conhecimentos específicos e aprofundados sobre diferentes assuntos. Esse tipo de pós-graduação exige que os alunos façam reflexões teóricas e filosóficas sobre os dados obtidos durante sua pesquisa.

4. Certificado versus Diploma

Ao final de um programa de pós-graduação Lato Sensu, o estudante recebe um certificado, documento que comprova sua participação nas atividades do curso. Ele é emitido pela instituição de ensino e não tem a mesma validade que um diploma.

Por outro lado, no final de uma pós-graduação Stricto Sensu, o aluno recebe um diploma, documento emitido por instituições de ensino com cursos credenciados e que habilita o estudante ao exercício de uma profissão.

Como fazer pós-graduações Lato Senso e Stricto Senso Gratuitas

Hoje, existem diversas formas de fazer uma pós-graduação gratuita, seja Lato Sensu ou Stricto Sensu. Confira abaixo algumas possibilidades.

CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior)

A CAPES é uma agência governamental que promove a produção científica e financia cursos de pós-graduação Stricto Sensu. Em 2007, a organização passou a fomentar também a formação de professores da Educação Básica.

CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico)

O CNPq é um órgão do governo que apoia o desenvolvimento tecnológico e a pesquisa acadêmica no Brasil.

FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos)

A FINEP promove o desenvolvimento da tecnologia, ciência e inovação empresarial, financiando diferentes tipos de cursos, inclusive de pós-graduação.

Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo)

A Fapesp é uma agência que fomenta a produção científica no Estado de São Paulo. Vale ressaltar, porém, que em todas as unidades da Federação existe um órgão semelhante.

Mais Estudo

A Mais Estudo é uma empresa que, por meio de parcerias com instituições de ensino particulares, oferece bolsas parciais para cursos de pós-graduação. Essa estratégia permite que a receita da universidade aumente e o custo para o aluno seja reduzido.

Bancos

Diversos bancos possuem programas que financiam a pós-graduação de estudantes brasileiros. Na maioria das vezes, o aluno paga parte das parcelas ao final do curso.

Pós-graduação à distância

Com a tecnologia à nossa disposição, é possível fazer uma pós-graduação à distância.Veja alguns órgãos de ensino que possuem essa opção:

Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e Centro de Educação à Distância (Cead)

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), em parceria com o Centro de Educação à Distância (Cead) e com o projeto Universidade Aberta do Brasil (UAB), oferece programas de graduação e pós-graduação à distância. Os cursos são voltados para a capacitação de professores da Educação Básica, mas também abrangem outras áreas do conhecimento.

SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial)

O SENAC possui cursos de pós-graduação, presenciais e à distância, que compreendem diversos campos de estudo.

UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)

O programa de pós-graduação à distância da UFRB  existe desde 2013 e é focado nos setores de Educação, Tecnologia e Meio Ambiente.

UFF (Universidade Federal Fluminense)

A UFF possui  378 cursos de pós-graduação à distância e ocupa o 9 º lugar no ranking do Center for World University Rankings.

UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)

A UFRGS, em parceria com o programa Universidade Aberta do Brasil, oferece cursos gratuitos de pós-graduação à distância, a maioria deles voltada para Educação e Gestão Pública.

UFSCAR (Universidade Federal de São Carlos)

A UFSCAR possui programas de pós-graduação presenciais e à distância. Entre os cursos mais procurados estão Ensino de Matemática no Ensino Médio e Gestão Pública.

UnB (Universidade Federal de Brasília)

A UnB oferece cursos de graduação e pós-graduação à distância há mais de 10 anos. Entretanto, para fazer parte do quadro de alunos dessa instituição, é preciso prestar o vestibular.

UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados)

A UFGD, localizada na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul, foi classificada pelo MEC como a melhor universidade do estado por nove anos consecutivos. Seus principais cursos de pós-graduação à distância são Especialização em Gestão Pública Municipal e Especialização em Gestão em Saúde.

UNESP (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)

UNESP, por meio do programa Unesp Aberta, possui mais de 70 cursos livres para quem deseja se especializar na sua área de formação ou atuação no mercado de trabalho. Entretanto, os cursos de pós-graduação à distância da UNESP não oferecem assessoria pedagógica, avaliação ou certificação.

UFSM (Universidade Federal de Santa Maria)

Entre os cursos de pós-graduação à distância disponibilizados pela UFSM, localizada em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, destacam-se Eficiência Energética e Gestão Educacional.

Pós-graduação no exterior online e gratuita

Diversas instituições de ensino no exterior oferecem cursos gratuitos de pós-graduação à distância, na maioria dos casos, com aulas ministradas em inglês.

Entretanto, é importante saber que, de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, os certificados e diplomas emitidos por universidades estrangeiras precisam ser revalidados pelo Ministério da Educação do Brasil. Por outro lado, cursos no exterior são muito bem aceitos pelo mercado de trabalho.

Veja algumas instituições de ensino internacionais que oferecem cursos gratuitos de pós-graduação à distância:

Canadian Virtual University (CVU)

A CVU é uma associação de universidades canadenses especializadas em ensino à distância. Somando todas as opções, estão disponíveis mais de 300 programas e 2,4 mil cursos, entre graduação, pós-graduação, mestrado, doutorado e cursos livres.

A maior parte dessas atividades é realizada completamente online, entretanto, algumas instituições exigem que o aluno compareça no campus para provas e apresentações. Por isso, ao escolher o curso e a universidade, fique atento a este ponto.

Universidad Nacional de Educación a Distancia (UNED)

A UNED está localizada na Espanha e é considerada o principal centro de ensino à distância do país. A instituição está aberta para receber alunos do mundo inteiro em seu campus virtual. A única exigência é que seja paga uma taxa de matrícula.

UOC – Universitat Oberta de Catalunya

 A UOC é uma universidade online situada na Catalunha, na Espanha, e conta com mais de 60 mil estudantes e 3 mil docentes. A instituição oferece cerca de 850 cursos, entre graduação, pós-graduação, mestrado, doutorado e cursos livres, ministrados em catalão, espanhol, francês e inglês. Vale ressaltar que os exames semestrais, na maioria dos casos, devem ser realizados em uma das unidades da UOC, na Espanha.

Massachusetts Institute of Technology (MIT)

Quem nunca sonhou em fazer um curso de graduação ou pós-graduação no MIT? Esse sonho agora pode ser realizado, pois a instituição, através da plataforma OpenCourseWare, disponibiliza gratuitamente diversos materiais que vão ajudar no aprimoramento de seus conhecimentos. Entretanto, assim como outras organizações, o MIT não oferece diploma.

Walden University

A Walden University faz parte da rede Laureate, que coordenada algumas instituições de ensino no Brasil, como, por exemplo, a Universidade Anhembi Morumbi. A Walden University é totalmente online e possui cerca de 50 mil alunos e  330 especializações, além de mestrado, doutorado e cursos livres, estando presente em 65 países.

Centre National d’Enseignement à Distance (CNED)

Na França, os programas de ensino à distância são supervisionados pelo CNED. A boa notícia é que todos os cursos de pós-graduação online vindos desse país são gratuitos, já que todas as universidades francesas são públicas.

Entretanto, é importante que você saiba que estudantes estrangeiros devem pagar uma taxa anual de matrícula, que varia de acordo com o curso escolhido. Além disso, para que você receba o diploma do curso, é preciso fazer uma avaliação presencial na França ou em embaixadas e consulados.

Universidade Aberta de Portugal (UAb)

A UAb é considerada a mais importante instituição de ensino superior à distância de Portugal, oferecendo mais de 60 cursos de licenciatura, especialização, mestrado e doutorado. É uma ótima oportunidade para quem tem vontade de fazer uma pós-graduação no exterior, mas não domina outro idioma além do português.

The Open University

The Open University foi fundada há cerca de 30 anos e é tida como uma das universidades mais tradicionais do Reino Unido, além de ser uma das melhores da Europa. Seus cursos de graduação e pós-graduação à distância contam com mais de 700 mil alunos matriculados ao redor do mundo.

Oxford University

A Oxford University é uma das mais respeitadas instituições de ensino do mundo. Líderes políticos, como Margaret Tatcher e Bill Clinton, cientistas, como Stephen Hawking,e pensadores, como Adam Smith, estudaram nessa universidade.

Você pode se matricular no programa de pós-graduação à distância que a instituição oferece. Um curso da Oxford no seu currículo será muito bem visto pelo mercado de trabalho.

E então? O que você achou desse artigo? Conseguimos tirar todas as suas dúvidas? Deixe sua opinião nos comentários.

Bons estudos e até a próxima!

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo