Você está aqui:Home » Concursos & Empregos » Empregos » Guia completo para o primeiro emprego

Guia completo para o primeiro emprego

Olá, leitor!

Encontrar o primeiro emprego é um desafio para a maioria das pessoas, principalmente para quem está no início da carreira.

Entre os pontos mais difíceis para quem ainda não tem experiência estão a preparação de um currículo e a entrevista de emprego, com perguntas como “Qual é o seu ponto fraco?”, “Como você se vê atuando no mercado?” e “Por que devemos contratá-lo?”.

Porém, com as informações deste guia, você poderá planejar uma estratégia para conquistar sua vaga no mercado de trabalho com mais confiança. Siga este passo a passo e ganhe destaque logo no início da carreira!

10 dicas para você conseguir seu primeiro emprego

Primeiro emprego

Fonte: Reprodução

1. Tenha metas e objetivos

A concorrência acirrada e a falta de experiência costumam ser obstáculos na busca por seu primeiro emprego. Por isso, não ter metas e objetivos bem definidos pode fazê-lo perder tempo e energia, sendo um contratempo ainda maior.

Assim, é importante que você tenha clareza sobre a área de seu interesse e o tipo de trabalho que você está procurando, além de saber quais são suas habilidades e pontos fracos. Quando isso não acontece, o candidato pode perder boas oportunidades por não fazer uma pesquisa para personalizar seu currículo e se destacar no processo seletivo.

Procurar seu primeiro emprego não inclui somente fazer cadastros para vagas abertas. Pelo contrário, um plano bem feito começa com uma análise sobre o que o mercado de trabalho exige e qual área se encaixa melhor no seu perfil.

Para te ajudar a pensar sobre estes pontos, responda essas perguntas:

  • Por que você quer conseguir seu primeiro emprego? Quais motivos pessoais, familiares, financeiros e de desenvolvimento educacional você tem para isso?
  • Quais são seus pontos fortes e interesses? O que você mais gosta de aprender e fazer? Quem é você como profissional? O que você tem para oferecer para possíveis empregadores?

Assim, você pode montar um plano de desenvolvimento pessoal. Ter conhecimento sobre seus talentos te auxiliará a reconhecer as barreiras que te impedem de acessar a vaga desejada e a superá-las.

2. Prepare-se para atender às necessidades do mercado de trabalho

Conhecer o mercado de trabalho é muito importante para identificar as melhores oportunidades e se preparar para conquistá-las. Por isso, antes de enviar seu currículo, avalie:

  • Quais são as oportunidades de trabalho na sua cidade e região?
  • Quais são as demandas do mercado de trabalho?
  • Quais conhecimentos e habilidades as empresas mais valorizam?
  • Onde e como você vai se preparar para estas demandas?

Encontrar as respostas para estas questões irá te ajudar a aumentar as chances de entrar no mercado de trabalho. A preparação profissional é importante para obter os melhores empregos, desde que estejam de acordo com os conhecimentos que as empresas valorizam.

Por exemplo, a língua inglesa já foi considerada um diferencial, mas atualmente é um requisito obrigatório para o preenchimento de muitas vagas. No entanto, apenas 36%  dos candidatos possuem inglês avançado ou fluente.

Além do idioma, há outras habilidades que são reconhecidas pelas empresas. Então, antes de se matricular em cursos de aperfeiçoamento, pesquise o que é mais apreciado atualmente e que está de acordo com seus objetivos de vida.

3. Aprenda como fazer seu primeiro currículo mesmo sem ter experiência

O currículo é o documento mais importante da busca por emprego. Às vezes, os candidatos iniciantes começam a procurar vagas copiando um modelo de currículo pronto da internet, sem dedicar algum tempo para personalizar as informações. Esse é um erro que pode fazer com que muitos não sejam chamados para entrevistas.

Aqui no Canal do Ensino, você pode acessar diversos tutoriais que ensinam a preparar currículos que irão valorizar seu perfil e fazer você se destacar da concorrência. Confira alguns:

>> Sites para você baixar currículo e conseguir o tão sonhado emprego

>> Transforme seu currículo em um instrumento de marketing pessoal

>> Como elaborar um currículo sem experiência de trabalho

4. Pesquise por vagas de primeiro emprego na internet

As empresas estão concentrando a maior parte de seus esforços de recrutamento na internet, o que é vantajoso para os candidatos, uma vez que permite o acesso diário a vagas e torna possível a inscrição online.

A maioria dos sites de emprego é gratuita, mas um bom começo é fazer seu cadastro gratuito no LinkedIn, rede social na qual você mantém um perfil com sua trajetória profissional, foto, referências e contatos, além de poder acessar vagas, participar de fóruns e conhecer pessoas que te ajudarão a entender melhor o mercado de trabalho e a cultura das empresas.

5. Prepare-se para as entrevistas de emprego

Entender os valores e a cultura da empresa é importante para se preparar para a entrevista de emprego. Por isso, é recomendado fazer uma pesquisa sobre seus produtos, serviços e processos de trabalho.

Além disso, conhecer sobre a empresa permitirá que você se vista mais adequadamente para ir à entrevista e converse como se fosse um membro da equipe, usando o vocabulário dos profissionais daquele setor.

Você também pode treinar sua desenvoltura respondendo previamente às principais perguntas que os recrutadores fazem na entrevista. Assim, você se sentirá confiante e agirá mais naturalmente.

6. Crie uma rotina para procurar vagas de trabalho

É importante ser insistente na busca por seu primeiro emprego, logo, você deve separar um tempo diário para pesquisar novas vagas e oportunidades em empresas que você deseja trabalhar, revisar e atualizar seu currículo, fazer um curso online para se desenvolver, entre outros. Quanto mais tempo for dedicado para a procura por emprego, melhores serão os resultados.

7. Recorra ao networking

Podemos definir networking como a criação e manutenção de uma rede de contatos com pessoas, empresas, profissionais ou instituições, em que se estabelece uma relação de reciprocidade e confiança. O networking é importante não só para conseguir seu primeiro emprego, mas também para crescer no ambiente profissional.

Por isso, pensando nesse conceito, responda:

  • Quem pode ajudá-lo a escrever um currículo, revisando ortografia e gramática?
  • Qual amigo pode te auxiliar a treinar para uma entrevista?
  • Para quem você pode pedir orientação sobre vagas de estágio ou sobre o  programa Jovem Aprendiz?
  • Quais amigos e familiares podem te indicar empresas nas quais existam oportunidades?

Pedir ajuda e acionar sua rede de contatos permitirá que você atinja suas metas em menos tempo e com mais eficiência.

8. Invista no seu marketing pessoal

A atual oferta de vagas é insuficiente para o total de 13 milhões de pessoas desempregadas no Brasil. Por isso, encontrar seu primeiro trabalho requer conhecer suas habilidades, ter um bom currículo e se sair bem na entrevista.

Mesmo sem possuir muitas experiências, você pode se destacar investindo em marketing pessoal, o que  não significa mentir sobre talentos, mas sim valorizar as qualidades que você desenvolveu ao longo de sua formação e mostrar como elas podem contribuir para a empresa na qual você deseja trabalhar.

Para te ajudar, responda essas perguntas:

  • O que você aprendeu com seus projetos, cursos e experiências anteriores?
  • Qual o impacto que você causou em seus trabalhos anteriores? Como você usou suas habilidades para atingir bons resultados?

Deixe claro essas qualificações no seu currículo, destaque-as na carta de apresentação e lembre-se de mencioná-las nas entrevistas.

9. Procure outros tipos de trabalho além do emprego formal

A concorrência está acirrada e o desemprego, em alta. Porém, você pode encontrar oportunidades de conseguir independência financeira com trabalhos informais, que também trarão experiências enriquecedoras para seu desenvolvimento profissional.

Por isso, é interessante conhecer as diferentes modalidades de trabalho que existem e saber que um emprego formal não é o único caminho. Há também o trabalho autônomo, conhecido como freelancer ou independente, empregos sazonais e temporários, voluntariados, estágios e homeoffice.  Cada uma destas categorias implica diferentes direitos e deveres, tanto por parte de você quanto de quem o contrata.

10. Mantenha uma atitude positiva

Quando procuramos emprego, podemos receber uma mensagem automática informando que não fomos selecionados ou enviar o currículo e não receber resposta alguma. São nesses momentos que surgem pensamentos desmotivadores que poderão levá-lo a desistir.

Contudo, isso faz parte do processo. Encontrar o primeiro emprego é um desafio diário e manter uma atitude positiva irá fazer com que você encare cada “não” como uma oportunidade para trabalhar seus pontos fracos.

E então? O que você achou do nosso guia sobre como conseguir o primeiro emprego? Deixe sua opinião nos comentários!

Boa sorte!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo