Você está aqui:Home » Dicas » Tecnologia » Fab Lab: o funcionamento dos laboratórios de inovação

Fab Lab: o funcionamento dos laboratórios de inovação

Olá, leitores!

Você já ouviu falar sobre Fab Lab ou sabe o que é? Se você já ouviu sobre, mas não sabe como funciona ou é a primeira vez que lê sobre isso e ficou curioso, vamos explicar um pouco e tirar algumas dúvidas sobre o Fab Lab.

O Fab Lab é uma oficina de fabricação digital, é um pequeno espaço equipado com ferramentas inovadoras e computadores de diversos materiais e tamanhos que fazem de tudo ou quase tudo. No Fab Lab você vai encontrar não só computadores, mas outras máquinas eletrônicas que ajudam a desenvolver diversos produtos, como as impressoras 3D. Nesse local vale de tudo e a criatividade é que manda.

Um Fab Lab visa o espírito criativo, inovador e empreendedor das pessoas, é um laboratório de inovação que desenvolve protótipos de muitos produtos para a indústria. No Brasil o primeiro laboratório inovador com foco na educação e profissionalização foi instalado no Senai. O Sistema Firjan inaugurou o Fab Lab em novembro de 2014, no Rio de Janeiro, e deste então muitos outros fab labs foram inaugurados para ajudar na formação dos estudantes.

Como eles funcionam

impressora-em-uma-plataforma-fab-lab

Esses laboratórios de inovação auxiliam na formação dos estudantes e esse é o principal objetivo dele, mas o Fab Lab funciona para muitas outras coisas. Nesse espaço diversas pessoas se reúnem para criar projetos de fabricação digital de forma colaborativa. O laboratório é usado normalmente por estudantes, mas em alguns lugares, um dia da semana é separado para que qualquer pessoa possa visitar e desenvolver seu projeto.

Pode ser pessoas que já estudaram e entendem muito do assunto e precisam de um espaço e um laboratório legal para produzir seu projeto. Mas pode ser usado por pessoas que não sabem nada de tecnologia, mas tem muita curiosidade e querem aprender.

O Laboratório de inovação e tecnologia é importante para as pessoas que querem fazer um projeto, tem uma boa ideia, mas não consegue realizar por falta de recursos e tecnologia. No fab lab a tecnologia está a disposição e o indivíduo pode criar e inventar o que quiser de forma colaborativa e tendo acesso a utensílios e máquinas que normalmente não teria.

Essa é uma forma muito legal de incentivar as pessoas a criarem e inovarem, o país precisa de pessoas com conhecimento tecnológico para criar programas e projetos que facilitam a vida de todos. Não é incomum ver projetos bem legais saindo do papel por causa do Fab Lab, sem ele, esses projetos provavelmente não sairiam do papel.

Os Fab Labs são bem padronizados, possuem máquinas específicas que você não encontra em qualquer lugar. Todos tem a possibilidade também de fazer parte de uma rede mundial, essa rede foi criada há dez anos e fazem parte dela mais de 60 países com quase 450 laboratórios. Claro que não são todos os Fab Labs que fazem parte dessa rede, pois para entrar é preciso seguir alguns princípios como: compartilhar ferramentas e processos com os outros laboratórios e também ser um laboratório aberto para a comunidade se envolver e produzir.

Achou interessante e quer conhecer um pouco mais? Existem grupos na internet que discutem sobre o assunto, principalmente no Facebook, lá você vai entender um pouco mais sobre o Fab Lab e esse laboratório de inovação, também vai conhecer os mais próximos de você e até fazer uma visita. Se você é desses que ama tecnologia e tem uma boa ideia que só falta colocar em prática, conte com a ajuda do Fab Lab e toda sua tecnologia.

Existe Fab Lab em diversos lugares do país como São Paulo, Rio de Janeiro e Florianópolis. Você pode entrar em contato com o Senai ou com outros lugares de cursos profissionalizantes da sua cidade e descobrir onde existe um Fab Lab mais próximo de você.

Ficou alguma dúvida? Não deixe de comentar e também compartilhar com seus amigos, principalmente os que adoram tecnologia e inovações.

Até logo!

comentários (1)

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo