Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » Entenda o que é Fonética e Fonologia

Entenda o que é Fonética e Fonologia

Olá, leitor!

Neste texto, explicaremos o que é fonética e fonologia e qual a diferença entre as duas.

Fonética

A fonética é a ciência que estuda como são produzidos os sons da fala humana. Para compreender como emitimos cada som, a fonética analisa a vibração do ar e a articulação dos órgãos fonadores.

As vogais são classificadas segundo a zona de articulação (cavidades bucal e nasal), a intensidade e o timbre. Já as consoantes são organizadas de acordo com o modo de articulação e a função das cordas vocais e das cavidades bucal e nasal.

Exemplos:

/a/ – vogal média, oral, aberta;

/b/ – consoante conclusiva, sonora, bilabial;

/v/ – consoante constritiva, sonora, labiodental.

Fonologia

Diferença entre fonética e fonologia

Fonte: Reprodução

A fonologia estuda como são organizados os fonemas de uma língua. O fonema é a menor unidade sonora de um idioma; é por meio da junção dessas partículas que se formam as sílabas, as palavras e as frases. Os fonemas da língua portuguesa são classificados em vogais, semivogais e consoantes.

A vogal é considerada o elemento básico, sem ela não é possível formar sílabas. Já as consoantes e as semivogais são fonemas dependentes, portanto, só geram sílabas com o auxílio de uma vogal.

Na escrita, representamos os fonemas por meio das letras. Porém, nem sempre a quantidade de letras será correspondente a quantidade de fonemas. Logo, uma letra pode representar mais de um fonema, assim como 2 letras podem representar um único fonema.

Portanto, a fonologia é a parte da gramática que estuda como os sons são organizados e usados na comunicação. Além disso, a matéria cuida dos processos linguísticos envolvidos na divisão silábica, na ortografia, na acentuação e na pronúncia das palavras.

Exemplos:

Palavra Letras Fonemas Sílabas Sílaba tônica
Mesa 4 4-/m/e/z/a/ 2 me
Cachorro 8 6-/c/a/x/o/r/o/ 3 cho
Cadeira 7 7-/c/a/d/e/i/r/a/ 3 dei
Computador 10 9-/c/õ/p/u/t/a/d/o/r 4 dor
Hoje 4 3-/o/j/i/ 2 ho

Conclusão

Neste texto vimos que, apesar de serem estudadas juntas, a fonética e a fonologia abordam diferentes mecanismos que envolvem os sons da linguagem humana.

E agora que você já sabe o que é fonética e fonologia, que tal resolver alguns exercícios para testar seus conhecimentos sobre as matérias?

Um grande abraço e até a próxima!

Exercícios

1. (PUC-SP) Nas palavras enquanto, queimar, folhas, hábil e grossa, constatamos a seguinte sequência de letras e fonemas:

a) 8 – 7, 7 – 6, 6 – 5, 5 – 4, 6 – 5.

b) 7 – 6, 6 – 5, 5 – 5, 5 – 5, 5 – 5.

c) 8 – 6, 7 – 5, 6 – 4, 5 – 4, 5 – 4.

d) 8 – 6, 7 – 6, 6 – 5, 5 – 4, 6 – 5.

e) 8 – 5, 7 – 6, 6 – 5, 5 –  5, 5 – 5.

 

2. (IPAD – COMPESA) Analise a divisão silábica das palavras abaixo.

1) convicção – con-vic-ção

2) abstrato – ab-stra-to

3) transparência – tran-spa-rên-ci-a

4) nascimento – nas-ci-men-to

Estão corretas:

a) 1, 2, 3 e 4.

b) 1 e 4, apenas.

c) 2 e 3, apenas.

d) 1, 3 e 4, apenas.

e) 2, 3 e 4, apenas.

 

3. (CEPERJ) Na palavra “fazer”, notam-se 5 fonemas. O mesmo número de fonemas ocorre na palavra da seguinte alternativa:

a) tatuar.

b) quando.

c) doutor.

d) ainda.

e) além.

 

4. (ITA) Dadas as palavras:

tung-stê-nio

bis-a-vô

du-e-lo

Constatamos que a separação silábica está correta:

a) apenas na palavra n° 1.

b) apenas na palavra n° 2..

c) apenas na palavra n° 3.

d) em todas as palavras.

e) n.d.a.

5. (PUC-PR) Na pronúncia correta da palavra AGUERRIDO, aparecem:

a) cinco vogais e quatro consoantes.

b) quatro vogais, uma semivogal e quatro consoantes.

c) quatro vogais e três consoantes.

d) cinco vogais e três consoantes.

e) quatro vogais, uma semivogal e três consoantes.

 

6. (PUC-RJ) Um mesmo fonema pode ser grafado de diferentes maneiras. Qual a lista de palavras que exemplifica essa afirmação?

a) Paciente, centro, existência.

b) Existência, meses, batizaram.

c) Projeto, prejudicando, propõe.

d) Quem, quando, psiquiatra.

e) Coisa, incomoda, continuidade.

 

7. (UFMT) Na expressão “nossa façanha”, você encontra:

a) 12 fonemas e 12 letras.

b) 12 fonemas e 10 letras.

c) 09 fonemas e 10 letras.

d) 10 fonemas e 12 letras.

e) 09 fonemas e 12 letras.

 

8. (PUC-PR) Sobre a palavra chuvinha, afirmamos:

I. Possui oito letras.

II. Possui seis fonemas.

III. Possui dois dígrafos.

IV. É proparoxítona.

a) Está correta apenas a I.

b) Estão corretas a I e a II.

c) Nenhuma das afirmativas está correta.

d) Estão corretas I, II, III e IV.

e) Estão corretas I, II e III.

9. (Unifesp) Na língua portuguesa escrita, quando duas letras são empregadas para representar um único fonema (ou som, na fala), tem-se um “dígrafo”. O dígrafo só está presente em todos os vocábulos de:

a) Pai, minha, tua, esse, tragar.

b) Afasta, vinho, dessa, dor, seria.

c) Queres, vinho, sangue, dessa, filho.

d) Esse, amarga, silêncio, escuta, filho.

e) Queres, feita, tinto, melhor, bruta.

 

10. (PUC-SP) As palavras folheada, lânguido, antigos, vento apresentam o seguinte número de fonemas e letras, respectivamente:

a) 7-8; 6-8; 6-7; 4-5.

b) 6-7; 7-8; 4-5; 6-7.

c) 6-7; 6-7; 7-8; 4-5.

d) 4-5; 6-7; 6-8; 7-8.

e) 7-8; 6-7; 6-8; 4-5.

 

11. (UFRGS) Na ortografa da língua portuguesa, usam-se frequentemente combinações de duas letras para representar um só som. Isso NÃO ocorre na palavra:

a) Florescendo.

b) Aquele.

c) Mancha.

d) Dissecava.

e) Exonerado.

Gabarito

1 – d

2 – b

3 – b

4 – c

5 – c

6 – b

7 – d

8 – e

9 – c

10 – a

11 – e

comentários (1)

  • José Roberto de Castilho Urpia

    Para corrigir um pequeno lapso, a consoante /b/ não é “conclusiva”, mas “oclusiva”, porque, em sua realização, ocorre uma oclusão, explosão bilabial.

    Responder

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo