Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » Entenda a estrutura das palavras

Entenda a estrutura das palavras

Olá,

Quando desmembramos uma palavra, percebemos que ela pode ser composta por vários elementos. Quando estudamos a estrutura das palavras, aprendemos a decompô-las, e assim podemos analisar os elementos que as compõem.

Abaixo você verá quais elementos podem aparecer na formação de uma palavra.

Morfemas ou elementos mórficos

estrutura das palavras

Fonte: Shutterstock

O morfema ou elemento mórfico é a menor unidade portadora de sentido de uma palavra.

Na palavra meninas, por exemplo, temos a unidade menin, que é a parte da palavra que contém o seu significado. Além dessa unidade, temos também o a e o s. O a é a unidade que dá a essa palavra a noção de gênero feminino, enquanto o s dá a noção de número, nesse o caso, o plural.

Os elementos mórficos que temos na língua portuguesa são: raiz, radical, vogal temática, tema, desinência, afixos, vogais de ligação e consoantes de ligação.

Raiz

A raiz é um elemento originário, no qual se encontra a significação primária da palavra. Vale lembrar que a raiz é de estudo histórico, e é através dela que descobrimos as palavras que pertencem à mesma família.

Ex.: agir, agente e reagir – perceba que nesses vocábulos há a repetição do elemento ag, que é, portanto, a raiz dessas palavras.

Radical

O radical é o elemento mórfico que contém o significado básico da palavra. É através dele que formamos novas palavras levando em conta o uso atual da língua.

Enquanto a raiz é considerada através do ângulo histórico, ou seja, ela estuda a etimologia da palavra (sua origem), o radical considera a palavra sob o seu aspecto gramatical.

Ex.: comprar, comprei, compramos, compraste

Livro, livraria, livreiro

Nesses exemplos, percebemos que o radical do verbo comprar é o elemento compr, usado nas variações desse verbo. Já em livro, livraria e livreiro, o radical é livr, pois é nele que está o significado básico dessas palavras.

Vogal temática

Vogal temática é a vogal que vem após o radical dos verbos e dos nomes.

Nos verbos, a vogal temática indica a qual conjugação o verbo pertence. Em português temos três conjugações verbais:

Conjugação Vogal temática Exemplos
a Comprar, lavar, andar
e, o Vender, comer, pôr, compor
i Partir, produzir,

 

Nos nomes, as vogais temáticas são:

Vogal temática Exemplos
a Casa, mesa, garrafa
e Parede, pote, verde
o Carro, sapato, lixo

 

As palavras terminadas em consoantes e as oxítonas terminas em a, e, i, o, u, são chamada de atemáticas.

Ex.: jacaré, cipó, tatu, jabuti, repórter, infeliz.

Tema

O tema de uma palavra é a soma de seu radical mais a vogal temática.

Ex.: na palavra varrer, temos o radical varr e a vogal temática e, portanto o tema de varrer é varre.

Desinências

As desinências são morfemas que colocamos após um radical, para indicar suas flexões.

As desinências nominais indicam o gênero (feminino e masculino) e o número (singular e plural) dos nomes.

Ex.: bonito – bonitos

Bonita – bonitas

Perceba que em bonito temos a desinência o, indicando gênero masculino; e em bonitos, além do o indicando o gênero masculino, temos também o s, indicando o número plural. Já em bonita, temos a desinência a, indicando o gênero feminino; enquanto que em bonitas, temos o a para indicar o gênero feminino e o s para indicar o número plural.

As desinências verbais indicam as flexões de número, pessoa, modo e tempo dos verbos.

Ex.: vendêssemos

No verbo vendêssemos, temos duas desinências. A primeira é o sse, que indica que o verbo está no pretérito imperfeito do subjuntivo, e a segunda é o mos, que indica que o verbo está na primeira pessoa do plural.

Afixos

Os afixos são elementos mórficos que acrescentamos a um radical ou tema para criarmos uma palavra nova. Os afixos dividem-se em prefixos e sufixos. Os prefixos são acrescentados antes do radical de uma palavra, enquanto que o prefixo é posto após o radical.

Ex.: infeliz

amigável

Para criarmos o termo infeliz, acrescentamos antes da palavra feliz o prefixo in. E para criarmos a palavra amigável, acrescentamos ao radical da palavra amigo o sufixo ável.

Vogais e consoantes de ligação

Vogais e consoantes de ligação são elementos que aparecem no interior de uma palavra apenas para ligar seus morfemas ou para facilitar a pronúncia. Não são considerados morfemas, pois não atribuem sentido algum à palavra em que aparecem.

Ex.: chaleira

Gasômetro

Na palavra chaleira, temos dois elementos mórficos, o radical cha e o sufixo eira, porém, na criação dessa palavra, foi adicionada a consoante de ligação l, para que sua pronúncia fosse facilitada. Já em gasômetro, temos o radical gas e o sufixo metro, que foram ligados pela vogal de ligação o.

Como vimos, uma simples palavra pode conter diversos elementos. Alguns mudam apenas o gênero e o número, enquanto outros podem ser usados para formar uma palavra nova. E agora, vamos fazer alguns exercícios?

Um grande abraço, e até a próxima!

Exercícios

1 – (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção em que nem todas as palavras são de um mesmo radical:

a) noite, anoitecer, noitada
b) luz, luzeiro, alumiar
c) incrível, crente, crer
d) festa, festeiro, festejar
e) riqueza, ricaço, enriquecer

2 – (FGV) Duas palavras que NÃO pertencem à mesma família por não possuírem o mesmo radical são:

a) hemácia/anemia;

b) decapitar/capital;

c) cátedra/catedral;

d) animismo/desanimado;

e) depredar/pedra.

3 – (FEMPAR-PR) – No vocábulo DESFAZEMOS aparecem em ordem de ocorrência os seguintes morfemas:

a)    sufixo, radical, tema, vogal temática

b)    prefixo, vogal temática, tema, desinência

c)    prefixo, radical, vogal temática, desinência

d)    radical, vogal temática, desinência, tema

e)    radical, afixo, desinência, tema

4 –  (CESGRANRIO-RJ) – Assinale a opção em que o vocábulo não apresenta desinência de gênero:

a)    viúva;                        d)   parente;

b)    ela;                            e)  deusa.

c)    estrela;

5 – (UFSCar-SP – adaptada) Assinale a alternativa em que o elemento mórfico em destaque está corretamente analisado:

a) menina (-a) – desinência nominal de gênero
b) vendeste (-e) – vogal de ligação
c) gasômetro (-ô-) – vogal temática de segunda conjugação
d) amassem (-sse-) – desinência de segunda pessoa do plural
e) cantaríeis (-is) – desinência do imperfeito do subjuntivo

Gabarito

1 – B

2 – E

3 – C

4 – D

5 – A

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo