Você está aqui:Home » Cursos Grátis » Administração e Negócios » Curso on-line gratuito aborda etarismo e diversidade no mercado de trabalho

Curso on-line gratuito aborda etarismo e diversidade no mercado de trabalho

Olá, leitor(a)! 

Quem teve a oportunidade de assistir ao filme Um Senhor Estagiário (2015), protagonizado por Anne Hathaway e Robert De Niro, viu como a cooperação entre as gerações pode beneficiar os negócios de uma empresa. Na trama, um senhor aposentado decide voltar a trabalhar e aceita o cargo de aprendiz, ensinando a todos nós que nunca é tarde para iniciar novos desafios e que o nosso tempo de vida pode ser uma valiosa ferramenta nos espaços corporativos.  

Pensando nisso, e com o propósito de aprofundar ainda mais esse debate, o Colettivo lançou uma formação on-line e gratuita sobre etarismo e diversidade no mercado de trabalho. Além de não estabelecer datas de inscrição ou prazo para conclusão, o curso emite certificado e é autoguiado, ou seja, possibilita ao(à) cursista seguir o próprio ritmo de estudo.

Importância de combater o etarismo no mercado de trabalho 

O termo “etarismo” está relacionado à discriminação baseada em estereótipos de idade. Esse preconceito faz com que uma parcela da população, composta por pessoas maiores de 50 anos, seja excluída de participar de muitas esferas da sociedade, principalmente as que envolvem o universo corporativo. Curiosamente, entretanto, de acordo com a projeção realizada em 2018 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), até 2060 o número de pessoas com idade superior a 60 anos superará o de crianças e jovens.  

Essa estimativa leva em consideração a melhora na qualidade de vida, que tem feito com que indivíduos não só vivam mais tempo do que em períodos anteriores, mas também tenham condições de seguir ativos(as) em diversos âmbitos sociais. O envelhecimento é um processo natural e heterogêneo, o que significa que cada ser humano lida com ele de modo diferente.  

Há pessoas maiores de 50 anos que sentem dificuldades motoras e há aquelas que seguem rotinas semelhantes à de grandes atletas; colocá-las em caixinhas e limitar seu campo de atuação é um retrocesso e não condiz com os avanços tecnológicos e culturais que temos experimentado. Por isso, repensar os conceitos criados sobre a idade é indispensável para a concepção de comunidades empresariais maduras, aptas, diversas e potentes.  

Além disso, fomentar a diversidade etária no mercado de trabalho traz muitos benefícios para as instituições, pois a diferença geracional estimula a coexistência de ideias distintas e a possibilidade de inovação de criatividade. Ainda, colaboradores(as) mais velhos(as) costumam ter uma grande bagagem cultural e profissional, com experiências que permitem olhares assertivos sobre situações provavelmente já vivenciadas.  

Curso sobre etarismo do Colettivo    

Curso on-line gratuito aborda etarismo e diversidade no mercado de trabalho

Fonte: Reprodução

Visando à construção de espaços cada vez mais justos, com profissionais maiores de 50 que se sintam respeitados(as) e capazes de exercer trabalhos desafiadores, o Colettivo estruturou a formação Etarismo e as Gerações nas Organizações. Embora o público-alvo seja constituído por colaboradores(as) da área de recursos humanos, qualquer pessoa interessada no assunto pode se inscrever.  

O curso conta com a participação dos(as) professores(as): Samara Barbosa e Leonardo Drummond, cofundadores da Diversifica, que presta consultoria sobre diversidade para empresas; Gael Benitez, jornalista e consultor de diversidade; Inês Barreto, diretora de inovação; e Tania Chaves, especialista em tecnologias da comunicação. Eles(as) não só fazem parte de grupos minoritários, como também são responsáveis por conduzir projetos e estudos voltados para as pautas de diversidade e inclusão.  

As aulas trazem questionamentos muito importantes, como o que está sendo feito em relação ao aumento da expectativa de vida e ao envelhecimento populacional iminente, e apontam caminhos possíveis para um mercado de trabalho consciente. O objetivo é embarcar em uma análise conjunta sobre a nocividade da discriminação contra pessoas mais velhas e a necessidade de estimular uma boa convivência entre diferentes gerações no ambiente corporativo 

Composto por videoaulas, em português e em Libras, o material possui recursos expositivos e arquivos complementares para leitura. O percurso formativo apresenta uma rápida introdução sobre o conteúdo, 12 lições e um teste ao final. Vejamos os temas abordados: 

  • Aula 1 – Gerações: características e diferenças;  
  • Aula 2 – A nova pirâmide etária no Brasil e no mundo; 
  • Aula 3 – Convívio das gerações: sinergia e potencialidades;
  • Aula 4 – Roda de conversa sobre o convívio das gerações; 
  • Aula 5 – Roda de conversa sobre experiências do convívio entre as gerações;  
  • Aula 6 – O que é o etarismo;  
  • Aula 7 – Etarismo e interseccionalidade; 
  • Aula 8 – Longevidade e trabalho; 
  • Aula 9 – Case Transição de Carreira aos 50+; 
  • Aula 10 – Case Desenvolvimento e Progressão de Carreira aos 50+; 
  • Aula 11 – Como evitar o etarismo na comunicação; 
  • Aula 12 – Atenção e retenção de talentos.  

Inscrição e certificado 

Para se inscrever na formação, é preciso ter cadastro na plataforma Teachable — responsável por abrigar os cursos do Colettivo. Se você já possui conta, basta acessar aqui e clicar em “Inscreva-se gratuitamente”. Depois, no final da página, clique em “Log in” e preencha e-mail e senha. Caso se trate do primeiro acesso, realize o cadastro cumprindo os seguintes passos:  

  • Clique no botão “Inscreva-se gratuitamente”;  
  • Insira os seus dados (nome, e-mail e senha) e clique em “Inscrever-se”;  
  • Acesse o seu e-mail e confirme o cadastro.  

O curso pode ser concluído a qualquer momento, para que o(a) estudante siga o próprio ritmo de aprendizado. Entretanto, o certificado é disponibilizado somente após finalizar todas as lições e responder ao quiz. A Teachable gera o documento automaticamente, basta ficar atento(a) às abas da página.  

Colettivo 

Com o propósito de tornar o mercado de trabalho mais justo e inclusivo, a plataforma de recrutamento VAGAS.com fundou o Colettivo. A iniciativa busca oferecer, especialmente para os(as) profissionais da área de recursos humanos, formações que garantam maior respeito e diversidade no ambiente corporativo.   

Isso porque a instituição acredita que a sensação de acolhimento é indispensável para a saúde e a produtividade de colaboradores(as). Essa abordagem não só impacta o trabalho e a criatividade deles(as), como estimula uma mudança sociocultural que valoriza a identidade e o bem-estar das pessoas. Para obter mais informações, clique aqui.   

E aí, vamos ajudar a tornar espaços institucionais mais respeitosos e saudáveis? Então compartilhe nosso artigo com os(as) amigos(as) e faça o curso com eles(as) 

No Canal do Ensino, leia também: 

Bons estudos e até breve!  

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo