Você está aqui:Home » Dicas » Curiosidades » Conheça 12 invenções de brasileiros(as) que mudaram o mundo

Conheça 12 invenções de brasileiros(as) que mudaram o mundo

Olá, leitor(a)! 

Quando o assunto envolve invenções que surgiram no Brasil, provavelmente a primeira coisa que passa pela sua cabeça é o avião, desenvolvido por Alberto Santos Dumont (1873 – 1932)Entretanto, os(as) brasileiros(as) já criaram diversos itens que mudaram o mundo e se tornaram parte do nosso cotidiano. A seguir, listaremos 12 invenções de brasileiros(as) famosas internacionalmente. Confira!  

Invenções brasileiras que mudaram o mundo 

Incluímos criações vindas de diferentes áreas do saber, com inúmeras aplicações na nossa vida. Veja: 

Conheça 12 invenções de brasileiros(as) que mudaram o mundo

Fonte: Reprodução

1. Coração artificial 

O invento, concebido pelo engenheiro mecânico Aron de Andrade, do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, já salvou muitas vidas. O coração artificial brasileiro foi criado em 1998 e possui vantagens em relação aos modelos estrangeiros, pois é mais em conta e não exige a retirada completa do órgão natural para ser implantado. 

2. Urna eletrônica  

A urna eletrônica foi inventada em 1989 pelo então juiz Carlos Prudêncio na cidade de Brusque, em Santa Catarina. Apesar da ideia de usar um computador para realizar a votação ser inovadora para a época e trazer mais velocidade para a apuração, a urna eletrônica só foi usada em grande escala em 1996, em um teste em 57 municípios. Hoje, 16 países usam sistemas de votação eletrônica sem qualquer auxílio de cédulas de papel. 

3. Máquina de escrever  

No século XIX, o padre João Francisco de Azevedo (1814 – 1880) adaptou um piano de 24 teclas para imprimir letras em papel. Ele confiou sua invenção a um negociante norte-americano, que dizia conhecer possíveis interessados nos Estados Unidos, mas nunca obteve retorno. Alguns anos depois, um modelo parecido foi apresentado em solo americano e passou a ser fabricado em escala comercial. A invenção da máquina de escrever é objeto de polêmica, sendo reivindicada por vários países, como Brasil, Estados Unidos, Inglaterra, França e Itália.  

4. Escorredor de arroz 

Em uma típica refeição brasileira, não pode faltar arroz com feijão. Na década de 1950, a cirurgiã-dentista Therezinha Beatriz Alves de Andrade Zorowich percebeu que não havia praticidade em usar um recipiente para lavar o arroz e outro para deixá-lo escorrer. Então, criou e patenteou o escorredor de arroz 

5. Walkman 

Andreas Pavel, inventor teuto-brasileiro, tinha 27 anos quando inventou o primeiro aparelho de som portátil e o batizou de Stereobelt. Várias empresas rejeitaram a ideia até que, em 1979, a Sony começou a produzir o dispositivo com o nome de Walkman sem reconhecer Pavel como o pai da invenção, o que veio a ocorrer apenas em 2003, depois de anos de brigas judiciais. 

6. Câmbio automático 

O projeto e o protótipo do câmbio automático foram criados pelos engenheiros José Braz Araripe e Fernando Lehly Lemos no começo da década de 1930. Eles venderam o modelo para a General Motors e, alguns anos depois, a montadora começou a produzir carros como essa tecnologia. 

7. Abreugrafia 

O médico Manuel Dias de Abreu (1891 – 1962) pesquisou durante anos uma forma de radiografar órgãos do corpo humano. Suas pesquisas deram resultado em 1936, quando criou um sistema que permitia fotografar os pulmões por meio de chapas radiográficas. A técnica, batizada de abreugrafiafacilitou o diagnóstico de inúmeras doenças, como a tuberculose. 

8. Painel eletrônico 

O cearense Carlos Eduardo Lamboglia criou o painel eletrônico que é usado em jogos de futebol televisionados. Em 1997, ele patenteou a criação, que foi aproveitada em todos os jogos da Copa do Mundo de Futebol da França, que ocorreu em 1998.  

9. Balão de ar 

O padre Bartolomeu de Gusmão (1685 – 1724) observou que o ar quente era mais leve que o ar frio, fato que possibilitava a criação de um veículo capaz de levitar. Em 1709, ele concebeu o primeiro balão de ar, o que lhe deu o apelido de padre voador.   

10. Soro antiofídico 

O imunologista Vital Brazil (1885 – 1950) foi quem descobriu a especificidade dos soros antiofídicos, ou seja, percebeu que cada veneno requer um antídoto específico. Vital também foi o primeiro diretor do Instituto Butantã, referência mundial em estudos científicos.  

11. Cartão telefônico 

Em 1978, o engenheiro Nelson Guilherme Bardini criou um cartão telefônico com um circuito elétrico ligado a pequenas superfícies metálicas que era capaz de dar créditos para ligações feitas em orelhões. A invenção se espalhou pelo mundo, mas só foi oficialmente adotada no Brasil em 1992. 

12. Popularização do relógio de pulso 

Apesar de ter sido criado no começo do século XIX pelo suíço Abraham Louis Breguet (1747 – 1823), o relógio de pulso era um item raro e tipicamente feminino até a intervenção de Alberto Santos Dumont. Para conseguir cronometrar seus voos, o brasileiro pediu ao joalheiro Louis Cartier (1875 – 1942) que fabricasse um modelo de relógio de pulso para ele, fato que contribuiu para a popularização do adereço. 

Você gostou dessas 12 invenções de brasileiros(as) que mudaram o mundo? Deixe nos comentários outras que você conhece! 

No Canal do Ensino, você também encontra: 

Até a próxima! 

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo