Você está aqui:Home » Concursos & Empregos » Concursos » Concurseiro delta: guia prático para estudar

Concurseiro delta: guia prático para estudar

Olá, leitor!

Você está se preparando para conseguir a aprovação para uma vaga de delegado? Confira esse guia prático para estudar e como você pode por meio de organização, muito estudo e planejamento, conseguir uma aprovação para se tornar delegado.

Quem tem o foco para ser aprovado como delegado nos concursos públicos pode ser definido como Concurseiro delta. Com poucas vagas e uma remuneração considerável (chegando a R$ 22,000. 00), esse cargo tem se tornando a cada ano mais cobiçado.

Mas a realidade de disposição das vagas, hoje, é outra. Isso porque, a carreira policial está em evidência. Primeiro, pelo aumento da criminalidade que exige a convocação de mais servidores, e claro, a estabilidade que o cargo proporciona.

E outra questão de demanda, como também procura do cargo, se deve as operações de combate à corrupção e tráficos de drogas.

Para 2018, alguns concursos de delegados previstos são os seguintes: Concurso Delegado Polícia Federal (PF). Concurso: Polícia Civil do Estado da Bahia, Concurso: Polícia Civil do Rio Grande do Sul (edital publicado), Concurso: Polícia Civil do Piauí, Concurso: Polícia Civil do Estado do Maranhão, Concurso: Polícia Civil de Minas Gerais, Concurso: Polícia Militar de São Paulo, Concurso: Polícia Civil do Rio Grande do Norte (Concurso Polícia Civil RN), Concurso: Polícia Civil do Amazonas (Concurso PC AL), Concurso: Polícia Civil do Estado do Sergipe e Concurso: Polícia Civil do Amazonas (Concurso PC AM). Confira a seguir, algumas dicas de como se tornar um concurseiro delta!

 Concurseiro delta: como ser?

concurseiro-delta-guia-pratico-para-estudar_Prancheta 1

Quem quer ser aprovado no concurso público na vaga de delegado, precisa ter graduação em Direito. Se você não tem, e se este é o seu sonho, então melhor ir atrás da graduação de Direito.

Ser delegado é um sonho de muitos bacharéis em Direito. Essa é a oportunidade de atuar na polícia civil ou ainda federal, e para 2018 alguns editais já estão abertos, como outros que vão abrir para este cargo.

A função do delegado é: presidir inquéritos policiais, é ele quem vai conduzir os rumos das investigações e formalmente elaborar portarias, despachos interlocutório, relatórios finais de inquéritos e de termos circunstanciados, além de outros serviços.

O interessante para quem sonha com a vaga, é que não é necessário exigência de prática jurídica ou atividade policial, e isso de certa forma favorece aqueles que acabaram de concluir a graduação, e não tem toda essa experiência na área, mas esperam colocar em prática as atribuições do cargo.

Mas atenção: Desde 2014, alguns editais de seleção começaram a deixar bem claro alguns requisitos legais para investidura na carreira pública, e entre eles está, à necessidade de prática para o cargo de Delegado, estabelecendo-se um prazo de três anos, a serem comprovados no ato da posse.

Um exemplo foi do concurso público da Polícia Federal e na Polícia Civil do Distrito Federal. A Lei 13.047/2014 exigia esse requisito. Então, antes de você ter terminado a sua conclusão no curso de Direito, e se tornar um concurseiro delta, verifique bem as condições e apresentações de cada edital. Lá estão especificados as atribuições e requisitos.

De qualquer forma, é importante ter uma experiência fora da sala de aula, até para ampliar o conhecimento no leque de estudos e assim, ter uma dimensão da atuação em sua área.

Guia prática: como estudar

Elaboramos um guia prático para você se inspirar e colocar as valiosas dicas no seu dia a dia e em sua rotina de estudo. Vamos lá!

Foque em qual concurso e área quer seguir

É bom você deixar bem claro em qual área quer atuar, ser delegado na policia civil, militar ou federal. Isso porque, o ramo de atuação pode ser um pouco diferente, em relação a desafios e área que vai atuar.

Então uma dica é ler bem as especificações de cada cargo, suas atribuições para então conseguir ver qual área você quer, e a partir dessa escolha, você começa a direcionar o seu foco para o estudo e a forma de organização.

Faça um cronograma das matérias

Apontado já pelos especialistas, o cronograma de matérias é algo fundamental para o concurseiro delta conseguir aproveitar da melhor forma para se organizar e estudar. Se não há organização, cumprimento de cronograma, as chances dos estudos serem um fracasso, são grandes.

É fato que sem organização há desmotivação e fica quase impossível estudar em meio à desorganização. E isso inclui, a falta de um adequado espaço até mesmo o cronograma das matérias. Até a falta de concentração no estudo é advinda da desorganização.

Claro que cada concurseiro tem uma forma de estudar, prefere um tipo de estudo, isso varia muito. Por isso, é fundamental conhecer o seu mecanismo de estudo, desde horários e matérias que vai estudar. Tudo isso precisa estar anotado para você seguir e não se perder nos horários.

Com acesso a tanta informação, seja em videoaulas, e-books, PDF’s, sites de questões, livros físicos, tem se a ideia de que há muito conteúdo e pouco tempo para dar conta de tanta demanda, e isso acaba gerando ansiedade no candidato.

Eleja as principais matérias, mas não deixe de lado as matérias leves

Outra dica fundamental já descrita por aqueles que passaram para o cargo de delegado, é compreender qual é o núcleo de disciplinas que são importantes para as provas. Quem declarou essa questão foi Lúcio da página “Vou ser delegado”.

O que ele notou é que há uma série de disciplinas fundamentais para o estudo e a sua prática. Ele denominou como: PPCA. O que seria isso? São 4 disciplinas: Penal que engloba (Geral, Especial e Legislação Penal Especial), Processo Penal, Constitucional e Administrativo.

Desta forma, não estude as matérias de forma uniforme. Estude aquilo que cai mais. Uma dica é ler o edital e assinalar em cores as matérias que mais caem.

Da mesma forma, pegue provas e concursos anteriores para fazer um balanço das matérias e questões que foram abordadas. Dê prioridade para fazer um cronograma com essas matérias, mas não deixe de estudar algumas disciplinas que considera fácil, ou sem importância.

Lembre-se que, para conseguir a aprovação você precisa atingir um nível de excelência e dominar todas as matérias, isso compreende o seu estudo e prática!

Escolha uma escola preparatória

Outro ponto fundamental para ser um concurseiro delta, é escolher uma boa escola preparatória. E isso faz muita diferença. A grande maioria dos aprovados para o cargo de delegado, fez um curso extensivo preparatório.

Ou seja, escolher uma escola preparatória ou curso não quer dizer que você deve optar pela instituição mais em conta. Talvez gastar um pouco mais, pode ser um diferencial para a sua aprovação, do que não passar e ficar mais alguns anos tentando.

Não estamos recriminando as escolas preparatórias. Mas escolha aquela que vá de acordo com o seu objetivo. Quando você frequenta estes ambientes, vai se sentir mais seguro porque os professores ajudam a nortear o aluno na sua navegação pelas disciplinas cobradas pelo edital.

Claro que além do curso, você também precisa estudar em casa, mas cuidado com as distrações. Já na sala de aula você tem o foco de acompanhar a matéria e discussões oportunas e ainda poder tirar as suas dúvidas.

Outra dica é desconfiar de métodos milagrosos do tipo: “Aprenda o conteúdo em 3 semanas”. Nós sabemos que na prática não é bem assim, e que para conseguir aprovação é necessário muito esforço e dedicação.

Tenha consciência de talvez pagar caro pelo curso intensivo, mas essa pode ser uma forma de conseguir alavancar você mais próximo de sua aprovação. Pense neste investimento como retorno para sua aprovação! E quando for fazer o curso, compareça as salas e explore muito bem o conteúdo.

Coloque em prática o treino

Depois dessas dicas e caminhos, outro ponto importante é colocar em prática as disciplinas e conteúdos cobrados. De nada adianta acumular estudo, mas quando for ler a prova ficar confuso e achar que não sabe nada.

Então, faça exercícios, treine, pratique. Reveja provas anteriores, e exercite. Não ache que fazer os exercícios de uma prova serão perda de tempo e você poderia estar estudando mais. Na verdade é também investimento. Muito estudo e prática.

E quando as vésperas da prova chegarem, procure seguir a rotina de estudo, mas nada de estudar 15 horas por dia, ou tentar tirar o tempo perdido achando que vai fazer mágica.

E para obter bons resultados, vários delegados que foram aprovados falaram de outro ponto que foi importante pra eles: a prática de um exercício físico. Além de deixar você mais disposto, ajuda a relaxar, deixa a sua mente mais presente.

Muitos elencaram a prática do exercício físico como fator que lhes rendeu concentração. E isso claro que ocorre. Não é perda de tempo e sim, investimento em sua saúde.

O que acharam deste guia prático? Seja um concurseiro delta rumo à aprovação. Se muitos conseguiram, você também pode. Mas tenha organização, disciplina para estudar e siga um cronograma.

A aprovação pode ocorrer em 2018, por que não? Mas não deixe de colocar em dia as dicas.

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo