Você está aqui:Home » Dicas » Professores » Como elaborar um projeto educação de qualidade?

Como elaborar um projeto educação de qualidade?

Olá, leitores

Os projetos de educação são modelos de aprendizado com o objetivo de educar os estudantes de maneiras diferentes em áreas distintas. A ideia é ter um projeto que fuja das aulas convencionais da escola. Este é um conceito usado mais no ensino infantil, principalmente para tentar aguçar a curiosidade das crianças.

Existem diversas possibilidades de criação de um projeto. Eles podem ter focos diferentes, como o desenvolvimento do comportamento de leitura, assimilação de conceitos científicos ou fatos históricos. Também é possível elaborar projetos voltados para obter um conhecimento maior em arte.

Os projetos são uma excelente maneira de criar algumas condições essenciais para que a escola possa exercer a sua principal função de construção de novos conhecimentos.

Para que esses projetos sejam elaborados com eficiência e atinjam o resultado esperado é preciso prestar a atenção em alguns pontos essenciais.

Como elaborar um projeto educação de qualidade?

projeto-eduacao

Um dos pontos iniciais de um bom projeto de educação é o tema do projeto. Porém é preciso saber como este tema deve ser escolhido. É preciso encontrar um meio termo entre os planos do professor e a vontade dos alunos.

Assim o tema pode ter um bom controle por parte da organização, além de manter a curiosidade dos alunos.

Existem muitas discussões em relação a como deve ser feita a escolha do tema, se pelo professor ou pelas crianças. A verdade é que não existe um consenso sobre isso e o que deve ser priorizado é o que combina melhor com a situação do projeto e com o andamento da classe.

Confira mais alguns pontos interessantes para se seguir enquanto é realizada a elaboração de um projeto.

O professor deve sempre ter um papel mediador

As crianças são muito curiosas em relação a tudo, principalmente com a educação. A ideia é que o professor seja o principal mediador desta curiosidade. O adulto não deve direcionar a criança para o aprendizado, é preciso deixar que ela busque isso sozinha.

O melhor a se fazer é tentar desenvolver a curiosidade da criança, tentando levantar novos problemas e novas questões sempre que for necessário.

A intervenção do professor deve acontecer sempre que a criança pedir ou quando o adulto julgar necessário. Porém, esta intervenção deve sempre ser feita considerando a proposta e a intenção do projeto, além é claro da curiosidade e das ações das crianças.

Não sobrecarregue as crianças durante o projeto educação

O importante em um projeto como esse, ou em qualquer outra área da educação, é não sobrecarregar os estudantes. Quando o percurso do projeto engloba muitas áreas de aprendizado é possível que a criança ão tenha o tempo necessário para se aprofundar no tema.

O excesso de conteúdos pode comprometer gravemente o aproveitamento e o potencial do projeto e das conexões entre os temas. Além disso, a sobrecarga de conteúdo pode cansar a criança mais rapidamente e acabar causando uma exaustão prematura da vontade de aprender.

Ter um com controle do quanto deve ser explorado no conteúdo durante o projeto ou cada etapa dele é essencial para que tudo ocorra da maneira correta.

Saiba como trabalhar a curiosidade dos estudantes

Não há como negar que as crianças possuem uma vontade constante de obter novos conhecimentos. A mente delas vive aguçada para o aprendizado e isso pode ser explorado de forma eficiente em um projeto educação.

Porém, cabe ao professor selecionar o que é essencial para o processo de pesquisa e também escolher quais as melhores perguntas para desenvolver um ambiente de reflexão e para propor os melhores “problemas” para que os alunos busquem o próprio conhecimento.

Trabalhar a curiosidade é basicamente promover a interação dos alunos com os ambientes propostos pelo projeto. A ideia é que o ambiente e o foco do projeto sejam um objetivo que a criança tentará alcançar através da sua criatividade e da busca por conhecimento que surge deles.

Claro que não é algo fácil de se fazer. É necessário ter reflexões constantes por parte do professor durante todo o planejamento do projeto e das ações propostas.

Planejamento de cada etapa

O planejamento de cada etapa também precisa ter uma atenção especial sobre a relação das didáticas com a integração dos propósitos com o grupo. Também é importante notar que as situações planejadas precisam apresentar problemas relevantes e ainda se relacionarem com os conhecimentos prévios das crianças.

Este é um verdadeiro desafio, afinal lidar com este tipo de situação não é nada fácil. Mas de forma bem simples, a ideia principal de cada etapa do projeto é expandir as experiências e conhecimentos dos alunos.

Estes projetos podem ser encaixados em qualquer matéria e apesar de serem mais indicados para crianças, este conceito também pode ser empregado em alunos mais velhos.

O que acharam destas dicas leitores? Conhecem algum projeto educação que gostariam de compartilhar?

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2017 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo