Você está aqui:Home » Enem » Como criar um plano de estudos para o Enem?

Como criar um plano de estudos para o Enem?

Quantas horas eu preciso estudar para ir bem no ENEM?

Eu estudo e trabalho, tenho diversos compromissos, como eu faço um cronograma?

A primeira coisa que você precisa saber, não existe um cronograma padrão, um modelo que é perfeito para todos os estudantes.

O melhor cronograma de estudos é aquele que respeita a sua personalidade, seu perfil de aprendizado e seu ritmo. E para criar um cronograma realmente infalível você testará o melhor formato e ajustar conforme suas necessidades.

É isso aí, você montará seu plano de estudos no melhor estilo “faça você mesmo”!

Neste artigo você aprenderá o que é importante considerar na hora de fazer seu cronograma de estudos, quais os erros que você pode evitar para não sabotar seu plano, e o mais importante quais são os fatores que irão te fazer ter um plano de estudos de sucesso.

Vamos lá?!

Qual primeiro passo para criar um plano de estudos para o Enem?

O primeiro passo e arrisco dizer que é o mais importante, é você ter clareza sobre seu sonho.

Como assim “sonho”? Eu quero é ser aprovado no Enem.

Sim, claro, isso é óbvio, afinal você está aqui para aprender a criar um plano de estudos para o Enem.

Porém quando eu falo em “sonho”, eu me refiro ao “por quê” ser aprovado no Enem é importante para você.

E aí você diz “quero passar em medicina”, “quero passar em Engenharia da Computação”… “quero passar em Direito”.

Pois bem, você tem consciência de onde realmente quer chegar? Do seu objetivo final? Você tem consciência do que envolve a escolha da sua carreira? E que para fazer essa jornada você vai precisar de disciplina, dedicação e de planejamento para conquistar seus objetivos?

Um dos principais erros dos estudantes é seguir o fluxo do calendário, se esforçar ao máximo até ficar esgotado sem considerar sua real motivação.

Antes de seguir em frente, tenha clareza do seu sonho!

Responda para si mesmo:

  • Porque é importante ser aprovado no Enem? Quando atingir esse objetivo o que você terá como recompensa?
  • O quanto é importante para você chegar ao final do ano letivo e ver que realmente valeu a pena e que você conseguiu conquistar seus objetivos sem arrependimentos?

Depois de ter clareza do seu sonho, agora sim chegou o momento de aprender a fazer um plano de estudos. E para seu plano ser bem sucedido você precisa aprender a estabelecer metas espertas para conquistá-los.

O que é uma meta esperta?

Uma meta esperta é a forma neurologicamente correta de estabelecer objetivos.

Meta Smart, palavra que significa “esperta” (em inglês), que é um acrônimo para específica (Specific), mensurável (Measurable), realizável (Achievable), relevante (Relevant) e com prazo definido (Timed).

Aplicando esses princípios seu cérebro focará nas soluções e estratégias para atingir seus objetivos de forma bem sucedida:

  • Specific – O quê?– Estabeleça suas metas (tanto as de estudo como outras) de forma específica e de forma positiva (não foque no que não quer e sim no que você deseja)
  • Measurable – Quanto? – Estabeleça sempre metas que você consiga medir com evidências
  • Achievable – Como? – Estabeleça metas atingíveis e controladas por você.
  • Relevante – Para quê? – Estabeleça metas desafiadoras e que te traga benefícios.
  • Timed – Quando? – Estabeleça quando sua meta irá acontecer?

+ Conheça também o Guia Prático da Interpretação de Textos para o ENEM

Como otimizar meu plano de estudos para o Enem?

plano-estudo-enem

Uma das grandes dificuldades dos alunos vem do fato de não saber administrar o tempo e suas atividades diárias.

Para fazer seu plano acontecer na prática você precisa saber otimizar seus estudos, começando por treinar sua mente para focar sua concentração nos momentos das práticas e atividades dirigidas.

E isso irá requerer uma boa dose de disciplina e determinação, eliminando as distrações, desligando-se das redes sociais, desligando-se do telefone e focando sua atenção para as atividades que você planejou no seu cronograma.

O que irá fazer seu cronograma ter sucesso não é só ter metas. Não será a meta que irá fazer você passar no Enem, mas a repetição de processos. Seus passos diários, de forma consistente que irão permitir chegar ao final do período letivo e celebrar a vitória.

Hábitos de sucesso

E para esse processo ser otimizado você irá precisar investir nos seus hábitos de estudos. Os hábitos são estratégias do nosso cérebro para executar tarefas de forma quase que automáticas, economizando energia e evitando esforços desnecessários.

Os hábitos são formados por 3 fases que formam um ciclo chamado por Charles Duhigg (autor do livro O Poder do Hábito) por Loop do Hábito:

  • A primeira fase é chamada de deixa ou o gatilho que desencadeia o hábito.
  • Depois vem a rotina, que é quando você faz a atividade de forma recorrente.
  • E no final, uma recompensa, que é aquilo que buscamos mesmo que inconscientemente ao repetir o hábito.

Para você entender a relação dos hábitos com sua conquista de passar no Enem vamos ver como funciona o ciclo do hábito. Pense numa pessoa que tem o objetivo de emagrecer. Pensou?

Pois bem, como essa pessoa irá alcançar esse objetivo se ela não cuida dos seus hábitos e rotina em torno da sua alimentação? Como essa pessoa irá conseguir manter-se numa dieta se ao abrir a geladeira há várias guloseimas disponíveis gritando “me coma, me coma”?

Neste exemplo, a deixa e o gatilho são as guloseimas disponíveis, que irão acionar a vontade de comer doces. A rotina é o momento da refeição, que se repete várias vezes ao longo do dia. A recompensa é a sensação de saciedade e satisfação ao se alimentar.

Aqui fica fácil identificar que ao mudar esses gatilhos eliminando o que aciona seu apetite e substituindo por outros alimentos sua dieta não será sabotada.

E aqui é que está o grande segredo do sucesso. Se você esta acostumado a ter uma rotina se prepare para mudar e a estabelecer uma nova rotina com hábitos que irão otimizar seus estudos e realmente fazer a diferença na sua vida como estudante.

Como estabelecer hábitos de estudo

Agora, depois de aprender sobre o poder de um hábito, para otimizar seus estudos liste:

  • O que você precisa eliminar, quais deixas/gatilhos que te distraem dos estudos, por exemplo?
  • Quais serão os ajustes na sua rotina para ter tempo focado nas atividades de estudo?
  • Quais serão as recompensas que você irá ter quando conquistar seus objetivos finais?

É importante ressaltar que ao cumprir metas diárias, semanais, trimestrais de estudo já é uma grande recompensa já que o seu grande objetivo é ser aprovado no Enem para ingressar numa universidade e iniciar sua carreira de sucesso. Tenha sempre em mente seu objetivo de longo prazo.

E para se manter motivado ao longo do caminho estabeleça outras recompensas para suas vitórias imediatas. Permita-se comemorar ao longo do caminho, estudar deve ser divertido. Porém tenha cuidado para não se auto-sabotar com recompensas que tirem seu foco e atrapalham sua evolução.

Depois que você compreendeu os fatores que irão te manter motivado ao longo da jornada na conquista de seu grande objetivo, considere os passos a seguir para criar o seu cronograma de estudos para o Enem

Passos para montar seu cronograma

  1. Compromissos recorrentes

Bloqueie os horários que você tem compromissos recorrentes e que não podem ser alterados. Por exemplo: horários de cursinho, curso de inglês, colégio e/ou faculdade, horário da academia, e outros eventuais compromissos que não podem ser mudados.

  1. Defina os horários de intervalo

Com certeza você precisa se alimentar, tomar banho, e se deslocar entre os seus vários compromissos. Identifique no seu plano os horários em que estará indo ou voltando do colégio e de outros compromissos, e seus horários de refeições.

  1. Defina os horários de estudo

Agora sim! Chegou o momento de você identificar os horários de estudo em que estará totalmente focado. E aqui você vai inserir os horários que irá estudar as matérias para o Enem.

+ Conheça o Curso Online Completo para o Enem

Quantas matérias eu posso estudar por dia?

estudando-para-o-enem

É importante você classificar as matérias, quais são as que você mais gosta e tem aptidão, quais matérias você não tem grandes dificuldades, mas precisam ser revisadas e quais matérias que você menos gosta e tem pouca aptidão.

Separe os dias e horários em que você está mais descansado para os temas e matérias que você possui menos aptidão, segunda, terça e quarta-feira, por exemplo.

E depois as matérias intermediárias e as que você considera mais fáceis, pois nestes horários em que você estará naturalmente mais cansado não irá precisar de tanta motivação e energia para se manter focado.

O ideal é estudar duas matérias por dia, dessa forma você cobre 10 matérias facilmente durante a semana. Dedicar 40 minutos focados no aprendizado de um tema de forma recorrente irá te proporcionar melhores resultados do que muitas horas sem concentração.

Momentos de revisão

É importante você também reservar os momentos de revisão das matérias, que podem ser pequenos momentos de 15 minutos para você revisar as matérias do dia, para memorizar fórmulas, transcrever um resumo, fazer um diagrama.

É interessante também que ao final da semana você reserve um momento para tirar dúvidas e revisar os temas básicos, isso vai te ajudar a evoluir nos seus estudos, não resolve você cumprir etapas de estudo e avançar com dúvidas.

Resumindo, estude duas matérias por dia e reserve um dia da semana para exercícios gerais (por exemplo sábado) e outro para descanso maior (por exemplo domingo).

  1. Defina horários de descanso

Você ainda não se convenceu de que é necessário descansar? Fica pensando que ao se permitir ter pausas você estará “perdendo tempo” e deixando o concorrente passar na sua frente?

O dia tem 24 horas e você acha que é ainda é pouco para encaixar tantas matérias?

Um dos erros é ter a mentalidade de que enquanto você está descansando você não está estudando e aí você passa horas em cima dos livros e cadernos, mal dorme umas 3 ou 4 horas e volta para os cadernos novamente. E mesmo assim fica com a sensação de que precisa estudar mais.

Entenda que sua mente e seu corpo necessitam repor a energia, e que quando você está relaxado sua mente memoriza e processa muito melhor as informações. Então considere suas horas de sono e horas de lazer como horas indispensáveis do seu processo de evolução e conquista do seu sonho.

Reserve horários para pausas de relax durante o dia

Durante estas pausas faça algo que você gosta para sua mente e seu corpo realmente descansar. Tenha um entretenimento real, não fique só nas redes sociais. Ouça uma música que você gosta, assista um episódio da sua série favorita, leia um livro, medite, dedique-se ao seu hobby.

Reserve pelo menos um dia da semana para descansar, pode ser um dia totalmente dedicado ou pelo menos um período, como sábado ou domingo a tarde.

O interessante de você ter um dia para descanso é que se eventualmente algo acontecer e você não conseguir seguir seu cronograma durante a semana você pode recuperar o atraso neste dia que está livre. É claro que a maior parte do seu dia será para descanso, mas se aparecer uma emergência durante a semana que te impeça de cumprir seu cronograma você poderá utilizar este tempo extra para isso.

  1. Defina um horário para planejamento

Nesse momento você irá redefinir seus estudos de seu cronograma semanal. Uma vez por semana reserve um horário para que você organize sua agenda e defina os temas que irá estudar para cada matéria e estabeleça suas metas semanais e também diárias.

É importante você definir não só a matéria que irá estudar, mas o tema específico daquela disciplina. Idealmente você irá estudar pelo menos uma vez por semana cada matéria, pelo menos uma vez durante a semana você irá estudar matemática, uma vez geografia, uma história etc. Lembrando de reservar os momentos que você tem mais energia e disposição para as matérias mais difíceis primeiro.

Fazendo isso você poderá encaixar nos seus estudos os temas de provas, simulados e suas metas.

Estas dicas fazem muita diferença e te ajudam a ter mais disciplina nos estudos. Lembre-se de que não é o número elevado de horas que faz a diferença, mas a qualidade das horas dedicadas que irão trazer resultados de verdade.

E para isso funcionar melhor, aqui vai uma dica extra: intercale as atividades de estudo com as de lazer, exercício físico e de repouso. Aqui entram as pequenas recompensas do seu ciclo de hábitos de estudo.

Viu como fez sentido toda a explicação sobre metas espertas e o poder do hábito?

Modelo de cronograma para estudar para o ENEM

 

Abaixo você pode visualizar um modelo de cronograma para quem estuda em meio período considerando todos estes passos e dicas. Este modelo pode (e deve) ser personalizado por você, para atender as suas necessidades. Clique aqui para fazer o download da planilha.

modelo-cronograma-estudo

E para você que tem dificuldades em montar um cronograma de estudos deixe suas dúvidas nos comentários. E se você já tem um cronograma e é todo organizado, compartilhe como é seu cronograma e outras dicas para usar o plano de estudos da melhor forma.

Sucesso!

Abraço!

Deixe um comentário

© 2012-2017 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo