Você está aqui:Home » Dicas » Bolsa de Estudo » Como conseguir bolsa de estudo no exterior pelo governo federal

Como conseguir bolsa de estudo no exterior pelo governo federal

Olá, leitor!

Você sempre sonhou em estudar no exterior? Confira neste artigo quais são os países que mais oferecem oportunidades e como conseguir uma bolsa de estudo no exterior pelo governo federal por meio das agências de fomento, Capes e CNPQ.

Ganhar bolsas de estudo não é um desafio fácil, é necessário ter um ótimo currículo acadêmico e bastante perseverança, mas você pode aumentar suas chances de sucesso se pesquisar as informações antes e fazer um bom planejamento. Confira a seguir todas as informações!

Descubra os melhores meios para conseguir bolsa de estudo no exterior

como-conseguir-bolsa-de-estudo-no-exterior-pelo-governo-federal_Prancheta 1

Confira abaixo as agências em que você pode se aplicar para conseguir uma bolsa de estudo no exterior. Vamos lá!

Capes – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

A Capes é uma agência de fomento do governo federal que mantém programas de cooperação entre os países com o objetivo de oferecer oportunidades de educação de excelência para estudantes de graduação e pós-graduação.

A Capes também oferece bolsas de capacitação para professores em diversos tipos de parcerias em universidades estrangeiras.

Modalidades de bolsas no exterior pela Capes

Há programas de bolsas de estudos para graduação e pós-graduações mantidas pela CAPES no exterior, existem também programas de capacitação para professores. Confira os tipos de bolsas de estudos financiadas pelo governo federal:

  • Graduação Plena e Graduação Sanduíche;
  • Mestrado Sanduíche, Mestrado Profissional e Mestrado Pleno;
  • Doutorado Sanduíche e Doutorado Pleno;
  • Estágio Pós Doutoral, Pós-doutorado e Estágio Sênior;
  • Capacitação, Professor visitante no exterior;
  • Cátedra;
  • Programas Especiais DRI.

Países parceiros na concessão de bolsas de estudos pelo governo federal

O governo federal por meio da Capes, concede bolsas para estudantes de Universidades que participam de programas de pesquisas ligados a pós-graduação, que estejam devidamente reconhecidos pelo Conselho Nacional de Educação (CNE).

Os países que mais receberam bolsistas da Capes no Exterior são Estados Unidos, França, Alemanha, Irlanda, Portugal, Reino Unido, Itália, Hungria, Canadá e Suécia.

Confira abaixo as diferentes modalidades de bolsas concedidas para cada país que participa como parceiro dos programas da Capes:

  • Alemanha: Graduação sanduíche, mestrado sanduíche, doutorado sanduíche, doutorado pleno, pós-doutorado, cátedra e programas especiais como o de assistência de ensino de alemão.
  • Argentina: Mestrado sanduíche, doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Áustria: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Bélgica: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Canadá: Graduação sanduíche e doutorado sanduíche.
  • Colômbia: Doutorado sanduíche, pós-doutorado e cátedra.
  • Cuba: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Espanha: Graduação plena, Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Estados Unidos: Graduação sanduíche, programas de capacitação de professores, Mestrado Profissional, Doutorado sanduíche, Pós-doutorado, Professore Visitante, Cátedra e programas especiais como o de assistência de ensino de Inglês.
  • França: Graduação sanduíche, doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Haiti: Graduação sanduíche no projeto emergencial Pro-Haiti.
  • Países Baixos: Graduação sanduíche, doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Israel: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Itália: Atualmente é possível participar apenas do Cátedra, os programas de bolsas de doutorado sanduíche e pós-doutorado estão desativados.
  • Japão: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Noruega: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Portugal: Graduação Sanduíche, Doutorado sanduíche, Pós-doutorado e Cátedra.
  • Reino Unido: Graduação sanduíche, mestrado sanduíche, doutorado sanduíche, doutorado pleno, pós-doutorado e cátedra.
  • Suécia: Doutorado sanduíche e pós-doutorado.
  • Timor Leste: Programa especial de qualificação para professores de língua portuguesa no Timor Leste.
  • Uruguai: Mestrado sanduíche, mestrado pleno, doutorado sanduíche, doutorado pleno, pós-doutorado.

Como funciona o processo seletivo para conseguir uma bolsa de estudo no exterior pela CAPES

A Capes pode fornecer uma Bolsa Individual para o estudante e também bolsas para equipes de pesquisadores que trabalham em projetos conjuntos de pesquisas, o que a Capes denomina missões especiais.

Há também programas específicos entre algumas universidades brasileiras e universidades estrangeiras em que é possível participar para conseguir uma bolsa de estudos do governo federal.

O processo de concessão de bolsas de estudos pela Capes abrange 3 principais etapas.

Candidatura e seleção para ganhar bolsa de estudos no exterior

Nesta etapa são avaliados documentos e pré-requisitos do estudante. Se aprovado, é enviado ao candidato uma carta de concessão e é necessário assinatura de contrato/termo de compromisso.

Acompanhamento do bolsista capes no exterior

Durante a permanência do bolsista na Universidade Internacional ele deve encaminhar documentos, relatórios e comprovantes seguindo o que foi estipulado no contrato de concessão de bolsa.

Acompanhamento do interstício e encerramento

Esta é a etapa final em que se encerra o período de concessão de bolsa e o estudante precisa prestar contas com envio de documentos. O estudante após encerramento da bolsa precisa permanecer no Brasil por um período igual ao de sua de concessão de bolsa.

Por exemplo, se o estudante recebeu uma bolsa de doutorado sanduíche e recebeu uma bolsa de estudos no Canadá por 2 anos, é necessário que ele permaneça no Brasil por esse período após encerramento do benefício, este período é chamado de interstício.

CNPq – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

As bolsas de estudos fornecidas pelo CNPq tem o objetivo de formar e aprimorar estudantes pesquisadores em instituições estrangeiras conceituadas.

Modalidades de bolsas no exterior pela Capes

  • Graduação Sanduíche – SWG
  • Doutorado Pleno – GDE
  • Doutorado Sanduíche – SWE
  • Mestrado Profissional no Exterior – MPE
  • Pós-doutorado – PDE
  • Estágio Sênior – ESN
  • Treinamento no Exterior – SPE
  • Desenvolvimento Tecnológico e Inovação no Exterior Junior – DEJ
  • Desenvolvimento Tecnológico e Inovação no Exterior Sênior – DES

Países parceiros na concessão de bolsas de estudos pelo governo federal

É possível conseguir uma bolsa de estudo no exterior, pelo governo federal em diversos países por meio de acordos com universidades e agências de tecnologia, confira os países que participam:

  • Alemanha: por meio do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD). Para se informar sobre os requisitos, universidades, cursos e opções de bolsas do DAAD acesse aqui.
  • França: no Centro de Estudos Superiores de Matérias Primas (CESMAT), para cursos nas áreas relacionadas a minas e matérias primas.
  • França: por meio da Associação Francesa da Indústria Aeroespacial (GIFAS). A IAS é uma organização sem fins lucrativos, com sede em Toulouse e concede bolsas para profissionais estrangeiros e estudantes com treinamento acadêmico com base no setor aeronáutico e espacial.
  • Espanha: no Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Salamanca (USAL).

Outras oportunidades de conseguir uma bolsa de estudos no exterior financiado pelo governo por meio da Capes, era pelo Programa Ciência sem Fronteiras, que terminou em 2015. Há oportunidades eventuais em programas com países parceiros em projetos de curto prazo.

Como funciona o processo seletivo para conseguir uma bolsa de estudo no exterior pelo CNPq

O processo é parecido com o da Capes, com avaliação do candidato, acompanhamento e encerramento. As regras são descritas nos editais de cada projeto com a universidade conveniada, por isso é importante o estudante ficar atento ao que é exigido no edital.

Dicas para conseguir uma bolsa de estudos no exterior pelo governo federal

Para conseguir uma bolsa de estudos no exterior pela Capes ou pelo CNPq, o estudante precisa entender que é um processo exigente, é essencial se preparar desde o ensino médio, veja algumas dicas para incluir no seu planejamento:

  • Ser brasileiro(a);
  • Conseguir uma pontuação mínima de 600 pontos no ENEM;
  • Ter alto desempenho acadêmico. A Capes, por exemplo, prioriza o oferecimento de bolsas no exterior para bolsistas dos programas de iniciação científica (PIBIC) com excelente rendimento e produtividade. Confira o guia que preparamos aqui no Canal do Ensino e veja como elaborar projetos de pesquisa.
  • Ter objetivos claros para sua carreira acadêmica: é necessário escolher o curso de acordo com seus planos profissionais;
  • Fluência em inglês: a maioria dos editais exige um exame de proficiência em inglês (TOEFL ou IELTS) e também os documentos para inscrição são todos redigidos em inglês, como por exemplo, cópia do currículo, carta de motivação (nesta etapa o candidato descreve seus objetivos profissionais com o curso) e cartas de referência (emitidas por professores/pesquisadores).

Dicas para conseguir bolsas de pós-graduação no exterior (Capes ou CNPq)

Além das dicas anteriores, o estudante que quer fazer uma pós-graduação no exterior com uma bolsa de mestrado ou doutorado sanduíche, por exemplo, precisa se atentar aos passos a seguir:

  • Pesquisar os convênios da Capes e/ou CNPq com as Universidades do exterior;
  • Escolher o curso ou área de pesquisa para ter o aval da universidade pretendida; verificar o edital e se atentar aos prazos para aplicação do pedido de bolsa;
  • Entrar em contato com os departamentos da universidade e com o professor da área de pesquisa que pretende estudar, perguntando sobre oportunidades de pesquisas e também se apresentando.
  • Depois dos primeiros contatos, fazer o projeto de pesquisa e conseguir um aceite com um professor orientador. Solicitar carta de aceita do orientador.
  • Fazer o teste de proficiência do idioma;
  • Fazer passaporte ou Renovar passaporte;
  • Fazer a aplicação do projeto de pesquisa seguindo os prazos da Capes ou do CNPq;

Confira também tudo sobre: Bolsa de iniciação científica

Veja o infográfico completo sobre como conseguir bolsa de estudo no exterior pelo governo federal

Infografico_bolsa_de_estudo_no_exterior_pelo_governo_federal-01

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo