Você está aqui:Home » Dicas » Bolsa de Estudo » Bolsa de estudos em universidades privadas: como conseguir

Bolsa de estudos em universidades privadas: como conseguir

Olá, leitor!

Conseguir uma bolsa de estudos em universidades privadas pode ser a melhor opção para muitos estudantes brasileiros. Com grande competitividade e baixa disponibilidade de horários nas instituições públicas, para muitos as faculdades particulares são a única opção.

As mensalidades, no entanto, não são baratas. A bolsa de estudos em universidades privadas, acaba sendo a esperança de muitos alunos para realizar o sonho de fazer faculdade. Por isso, separamos nesse artigos algumas dicas que vai precisar para conquistar sua bolsa.

Atualmente, possuir uma graduação é essencial para construir uma boa carreira. Cada vez mais o mercado de trabalho exige a educação formal especializada. As bolsas podem ser um fator determinante para sua carreira decolar de verdade.

Falar outra língua também é fundamental no atual mundo globalizado. No decorrer do texto mostraremos algumas dicas de como conseguir uma bolsa de idiomas, para aperfeiçoar seu currículo profissional.

A seguir, confira todos os diferentes métodos que pode usar para conseguir bolsas de estudos em universidades privadas.

Prouni

universidade_privada

Quando falamos em bolsa de estudos em universidades privadas, o Prouni provavelmente é a primeira coisa que vem à mente. Trata-se de um programa do Ministério da Educação, criado em 2004 pelo Governo Federal.

O programa visa conceder bolsa de estudos integrais ou parciais para estudantes que ainda não tenham um diploma de ensino superior. Existem alguns outros requisitos para se qualificar para bolsas do Prouni. Podem se inscrever:

  • Pessoas que cursaram o ensino médio integralmente em escola pública e em escola privada com bolsa integral;
  • Portadores de deficiência física, independente de onde fizeram o Ensino Médio;
  • Professores da rede pública de ensino básico, que estejam concorrendo a vagas em cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia;

O primeiro passo para requisitar a bolsa de estudos pelo Prouni é fazer o Enem. Você poderá se inscrever para a bolsa no ano seguinte que fizer a prova, se tiver atingido pelo menos 450 pontos de média nas notas e não tiver zerado a redação. A inscrição pode ser realizada no início de cada semestre pelo site do programa.

Se quiser mais detalhes sobre como conseguir essa bolsa, pode ler o nosso artigo completo sobre o assunto nesse link.

Programas Estaduais

Além da iniciativa do Governo Federal, muitos estados também oferecem programas de incentivo ao estudo. Vale à pena pesquisar por programas disponíveis no seu estado e verificar quais são as regras vigentes.

Em São Paulo, por exemplo, existe o Programa Escola da Família ou Bolsa Universidade. Ao estudar em uma universidade conveniada, o estudante tem direito a uma bolsa integral. A condição é que, nos finais de semana, o estudante atue como voluntário no programa. As atividades consistem em ministrar oficinas nas áreas de Esporte, Cultura, Saúde e Trabalho em escolas de comunidades.

No Distrito Federal existe o programa Bolsa Universitária. O objetivo da iniciativa é conceder bolsa de estudos em universidades privadas para alunos com renda familiar de até três salários mínimos. O aluno deverá também cumprir quatro horas semanais em atividades definidas pelo governo, para as quais receberá vale transporte.

Já no Espírito Santo, o programa Nossa Bolsa, oferece bolsas integrais ou parciais para pessoas com renda familiar menor que três salários mínimos, e que tenham tirado nota maior do que 40 no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Muitos outros estados mantém programas de financiamento e concessão de bolsas. Portanto, não deixe de se informar sobre as opções disponíveis para você. Para se inscrever e procurar mais informações, você deve procurar a Secretaria da Educação do seu estado.

Outros projetos e ONGs

As iniciativas governamentais não são a única forma de conseguir sua bolsa de estudos em universidades privadas. Existem várias outras iniciativas e ONGs trabalhando para que o ensino superior seja mais acessível para todos.

A seguir, confira uma seleção de projetos onde pode tentar inscrição:

Quero Bolsa

encontre-sua-bolsa-de-estudos

O projeto Quero Bolsa, reúne informações de vagas para cursos de graduação, pós-graduação, técnicos e cursos livres, presenciais e a distância. O site conta com descontos e bolsas para as principais faculdades privadas. Não é necessário comprovar renda ou ter feito o Enem para se cadastrar.

Se você está pesquisando alternativas para estudar em 2018, precisa conhecer o Quero Bolsa, uma plataforma que conta com mais de 1 milhão de bolsas de estudo de graduação e pós-graduação, com até 75% de desconto.

As bolsas de estudo estão disponíveis em todo o Brasil, em cursos presenciais ou a distância. Clique e acesse o Quero Bolsa.

Fundação Escolar

O programa Fundação Estudar, utiliza um sistema de seleção por mérito para distribuir bolsas de estudos. A inscrição no processo seletivo é paga (taxa de R$ 70) e os candidatos passarão por sete etapas de seleção. O processo incluirá testes de perfil e lógica, entrevistas e um painel com ex-bolsistas do programa. Para participar é necessário ter até 34 anos e estar matriculado ou cursando o ensino superior em uma das quatro categorias das bolsas.

As categorias são:

  • Graduação completa no Brasil
  • Intercâmbio acadêmico de graduação ou duplo diploma no exterior
  • Graduação completa no exterior
  • Pós-graduação no exterior

Os estudantes selecionados terão direito também, ao suporte para desenvolvimento pessoal e profissional.

Educa Mais Brasil

O programa Educa Mais Brasil, disponibiliza bolsas de até 70% para universidades privadas em todo o país. Para concorrer às vagas, é necessário comprovar renda, visto que a ação é direcionada para alunos que não têm condições de arcar com os custos da universidade. Você encontra no projeto bolsas tanto para graduação quanto para pós. Existem também oportunidades para cursos técnicos, profissionalizantes e de idiomas.

Educafro

A ONG Educafro, luta pela inclusão de negros e pessoas de baixa renda no ensino superior. O projeto possui parcerias nacionais e internacionais com diversas instituições de ensino. As bolsas oferecidas são de até 100%, e o percentual que você conseguir será fixo durante toda a graduação.

O projeto também oferece cursinhos comunitários de preparação para processos seletivos.

Programas de bolsas na Instituição de Ensino

Algumas universidades privadas contam com os próprios programas de concessão de bolsas de estudos. Normalmente, o candidato deverá fazer uma prova de seleção que determinará a porcentagem da bolsa.

Vale sempre a pena verificar se a universidade que escolheu oferece programas de descontos. Muitas instituições também oferecem bolsas para alunos que se inscrevem em projetos de Iniciação Científica e Monitoria.

A seguir, conheça algumas universidades que possuem programas próprios de bolsas de estudo:

Belas Artes

Para participar dos programas de descontos, o candidato deverá se inscrever no vestibular tradicional e indicar o interesse pelo programa Pro BA. A bolsa deverá ser renovada todos os semestres e depende do mantimento de boas notas e baixa porcentagem de faltas do aluno.

Todos os semestres a instituição disponibiliza um edital com os detalhes que o bolsista precisa para realizar a renovação do benefício.

Fundação Getúlio Vargas

A FGV tem disponível bolsa de estudos para seus campi no Rio de Janeiro e São Paulo. Os cursos contemplados pelo programa são os de Direito, Economia, Ciências Sociais, Matemática Aplicada, Administração Pública, Administração de Empresas e Administração.

Cada curso tem requisitos específicos para os candidatos. Algumas bolsas são concedidas via provas e outras por meio da comprovação de renda.

Cásper Líbero

A Faculdade Cásper Líbero, que tem foco na área de comunicação, oferece programas de bolsa de estudos tanto por avaliação socioeconômica quanto por mérito. A classificação em até terceiro lugar no processo seletivo da instituição garante bolsas de 20% a 70%.

As bolsas socioeconômicas variam de 25% a 70% e são renovadas anualmente através de uma prova. A faculdade oferece também bolsas para estágios, monitoria e iniciação científica.

UNIP

A Universidade Paulista oferece bolsas através do processo seletivo da Instituição. Os descontos chegam até 100% dependendo do desempenho na prova e potencial do candidato.

É importante ficar atento aos editais da universidade para acompanhar as datas das provas e o regulamento completo do programa de bolsa de estudos.

Metodista

A Universidade Metodista de São Paulo, oferece bolsas de estudos por meio da nota no Enem. É necessário ficar de olho nos editais publicados no site para não perder as datas de solicitação e compreender as regras do projeto.

A instituição também tem parceria com outros projetos, como o Quero Bolsa, que já apresentamos anteriormente. Além disso, oferece descontos para familiares que estudam junto e bolsas emergenciais no caso de desemprego.

Uninove

A Uninove oferece bolsas através do Programa de Inclusão Universitária (PRIUNI). Fruto da parceria com dezenas de ONGs voltadas para o incentivo do ensino, os descontos chegam a até 80%. Para se inscrever, o candidato deverá ter feito recentemente a prova do Enem. Os descontos são progressivos dependendo do desempenho na prova de seleção da instituição.

O programa oferece ainda palestras para os alunos participantes.

PUC

A Pontifícia Universidade Católica oferece bolsas de estudo integrais e parciais semestralmente. É necessário comprovar renda para participar, visto que o programa tem como objetivo a inclusão de alunos com poucas condições financeiras. Os editais são publicados no site da universidade todo semestre.

A instituição também oferece bolsa de mérito ao 1º classificado no vestibular unificado de cada campus.

Financiamentos

Os financiamentos especiais para universidades são diferentes de bolsas. Com o FIES, por exemplo, você deverá pagar o valor do curso em parcelas menores depois de se formar.

Além do financiamento do governo, muitas instituições bancárias oferecem serviços com condições especiais para universitários.

Sempre se informe antes de solicitar qualquer tipo de financiamento privado. É importante verificar as taxas de juros e condições de pagamento.

Conclusão

Agora que você já conhece todas as suas opções para conseguir sua bolsa de estudos em universidades privadas, basta correr atrás. Se planejado com cuidado e em posse de todas as informações necessárias, consegue-se realizar o sonho de cursar o ensino superior sem se endividar!

Se quiser mais dicas sobre bolsas de estudos, leia também esses outros conteúdos no blog:

Ficou com alguma dúvida? É só deixar um comentário no final da página com a sua pergunta! Aproveite e nos diga também qual é a sua opinião sobre esse assunto e se você conhece algum outro programa de bolsas de estudo.

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo