Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » Artigo: um guia prático para você aprender

Artigo: um guia prático para você aprender

Olá,

Na língua portuguesa, temos dez classes de palavras. Uma dessas classes são os artigos: palavrinhas muito importantes e que podem contribuir bastante para tornar seus textos ainda mais expressivos. Vamos aprender o que são?

Artigo

Os artigos são palavras antepostas aos substantivos, servem para indicar um ser determinado ou indeterminado.

Os artigos são divididos em dois tipos:

  • Artigos definidos: a, as, o, os;

São usados quando o substantivo que lhes acompanha é um ser já conhecido do interlocutor; ou por já ter sido citado no texto, ou por tratar-se de algo que o leitor, provavelmente, já conheça.

Ex.:

  1. Notálvia, a menina já chegou.
  2. O ônibus acabou de passar.

No exemplo 1, ao usarmos o artigo “a” acompanhando o substantivo “menina”, indicamos que Notálvia sabe de qual menina estamos falando.

Já no exemplo 2, quando dizemos que “O ônibus acabou de passar”, significa que o nosso interlocutor sabe de qual ônibus estamos falando, ou seja, trata-se de um ônibus específico, determinado, definido.

  • Artigos indefinidos: um, uma, umas, uns

São usados quando o substantivo que acompanham ainda não foi citado no discurso, ou por não se tratar de um ser específico.

Ex.:

  1. Notálvia, uma menina já chegou.
  2. Um ônibus acabou de passar.

No exemplo 1, ao usarmos o artigo “uma” acompanhando o substantivo “menina”, indicamos que Notálvia não sabe de qual menina estamos falando, ou seja, trata-se de uma menina qualquer.

Já no exemplo 2, quando dizemos que “Um ônibus acabou de passar”, significa que o nosso interlocutor não sabe de qual ônibus estamos falando, ou seja, trata-se de um ônibus qualquer, não determinado.

Algumas particularidades sobre o emprego dos artigos

Artigo

Fonte: Reprodução

Veja a seguir algumas particularidades sobre o emprego dos artigos:

  • O artigo definido pode ser usado com valor possessivo.

Ex.: Coloquei a mão para ver se estava quente.

Nesse exemplo, o artigo definido “a” tem o mesmo valor que o pronome possessivo “minha”.

  • O artigo definido pode ser usado para indicar uma distinção significativa quando acompanha um pronome possessivo substantivo. (O pronome é substantivo quando substitui um substantivo ao invés de acompanhá-lo.)

Ex.:

  1. Esta calça é minha.
  2. Esta calça é a

Perceba que, ao colocarmos o artigo antes do pronome possessivo, enfatizamos a ideia de posse, distinguindo ainda mais a posse do objeto.

  • O artigo definido pode acompanhar um substantivo para indicar generalização.

Ex.: O homem é um ser racional.

Note que é o artigo “o” que indica a generalização, ou seja, que estamos nos referindo a todos os homens.

  • Antes de datas, costuma-se usar o artigo definido apenas quando se trata de uma data célebre.

Ex.:

Os trabalhadores comemoraram o primeiro de maio.

Meu aniversário é dezoito de maio.

  • O artigo definido pode ser usado para indicar unidade quando acompanha expressões de peso e medida.

Ex.: A farinha está cinco reais o quilo. (cada quilo)

  • O artigo definido acompanha o termo “outro” quando essa palavra tem sentido determinado.

Ex.: Um já está te aguardando, o outro ainda não chegou.

Vale lembrar que “outro” é pronome indefinido, por isso o uso do artigo quando se tratar de um ser determinado.

  • Os artigos indefinidos “uns” e “umas” podem ser usados antes de numerais cardinais para indicar aproximação numérica.

Ex.: Havia uns oito cachorros na casa de Marcos.

  • Os artigos indefinidos antes de um nome próprio servem para indicar semelhança.

Ex.: Pedro é um Quixote.

“Um” e “uma”: artigo indefinido ou numeral?

As palavras “um” e “uma” podem tanto ser artigos indefinidos quanto numerais.

Para distinguir e não classificar errado, tente perceber se os termos “um” e “uma” enfatizam ideia de quantidade, nesse caso serão numerais, caso contrário serão artigos indefinidos.

Outro detalhe importante a ser notado para fazer essa distinção é que, quando “um” e “uma” são numerais, costumam vir acompanhados de termos como “só” e “apenas”.

Ex.:

  1. Comprei uma (uma = artigo indefinido)
  2. Comprei apenas uma (uma = numeral)

Perceba que no primeiro exemplo, o locutor quer apenas informar a compra de um objeto. Já no segundo exemplo, percebemos nitidamente a ênfase na quantidade.

Conclusão

Você viu neste texto o que é artigo, quais são os seus tipos e alguns casos em que os artigos são usados. Agora que tal resolver uns exercícios para treinar seus conhecimentos?

Um grande abraço, e até a próxima!

Exercícios

1 – (Unitau) Observe:

“Essa atitude de certo modo religiosa de ‘um’ homem engajado no trabalho…”
II. “Pedro comprou ‘um’ jornal”
III. “Maria mora no apartamento ‘um’.”
IV. “Quantos namorados você tem?” ‘Um’.

A palavra “um” nas frases acima é, no plano morfológico, respectivamente:

 

a) artigo indefinido em I e numeral em II, III e IV.
b) artigo indefinido em I e II e numeral em III e IV.
c) artigo indefinido em I e III e numeral em II e IV.
d) artigo indefinido em I, II, III e IV.
e) artigo indefinido em III e IV e numeral em I e II.

 

2 – (ITA) Determine o caso em que o artigo tem valor qualificativo:

a) Estes são os candidatos que lhe falei.
b) Procure-o, ele é o médico! Ninguém o supera.
c) Certeza e exatidão, estas qualidades não as tenho.
d) Os problemas que o afligem não me deixam descuidado.
e) Muito é a procura; pouca é a oferta.

 

 

 

Gabarito

1 – B

2 – B

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo