Você está aqui:Home » Concursos & Empregos » Concursos » Aprenda a montar um bom plano de estudos para concursos públicos

Aprenda a montar um bom plano de estudos para concursos públicos

Olá,

O volume de conteúdo cobrado nos editais de concursos públicos é muito extenso, e o sistema de avaliação de determinadas bancas organizadoras costuma ser bastante rigoroso. Por conta desses fatores, muitos concurseiros enfrentam dificuldades para dominar todo o conhecimento exigido durante o período entre a publicação do edital e a aplicação da primeira prova, que, em geral, é de três meses.

Segundo especialistas em preparação em provas de concursos, os principais motivos que explicam esse obstáculo são a falta de um bom plano de estudos e negligenciar a preparação antecipada, e a consequência é reprovação no concurso.

Para somar, com a correria do dia a dia e com o acúmulo de cansaço, é comum os estudantes criarem desculpas para adiar os estudos para o concurso ou a resolução de alguns exercícios, que, a longo prazo, representam um grande avanço na assimilação e fixação do conteúdo.

Somente com o auxílio de um plano de estudos para concursos públicos bem detalhado poderia reduzir em muito esses problemas e aumentar significativamente a probabilidade de conquistar aprovação, uma vez que a preparação passaria a ser mais eficiente e rentável.

Como montar um bom plano de estudos?

Um plano de estudos é um planejamento do seu cronograma de estudos para concurso, que, basicamente delimita quando, o que irá estudar e a duração do estudo.

Nesse planejamento de estudos, é preciso considerar, além das disciplinas, os temas, os exercícios, os resumos, simulados de provas anteriores e compromissos do dia a dia, como almoço, consulta médica, exercícios físicos, trabalho, tomar banho, afazeres domésticos, entre outros.

Supondo que a sua rotina seja dessa maneira:

- 09:00 as 17:00 – Trabalho

- 17:00 as 18:00 – Trânsito

- 18:00 as 21:00 – Exercícios físicos, jantar, tomar banho, descanso, e etc

- 21:00 as 23:00 – Tempo livre

- 23:00 em diante – Descanso

Sem contar com o final de semana, você terá 2 horas por dia de semana para estudar para o concurso, e é nesse período que você deve distribuir as matérias.

-Segunda das 21:00 as 23:00 – Estudar Português

-Terça das 21:00 as 23:00 – Estudar Direito Administrativo

-Quarta das 21:00 as 23:00 – Estudar Raciocínio Lógico

-Quinta das 21:00 as 23:00 – Estudar Direito Constitucional

-Sexta das 21:00 as 23:00 – Estudar Redação

Esses horários variam de acordo com rotina de cada um. Se você é mais produtivo no horário da manhã, então escolha o período entre 07:00 e 08:30 para estudar. O importante é delimitar cada tarefa realizada no dia a dia, para, depois, inserir em uma planilha ou tabela, os horários de estudos e as respectivas disciplinas e atividades.

Quando você tem uma rotina de estudos organizada sua mente trabalha com toda energia, isso acontece porque as preocupações somem, afinal você já tem tudo programado em uma agenda.

Por exemplo, se na segunda-feira você programa para estudar Língua Portuguesa, descreva o passo a passo do método de estudo: videoaula sobre concordância, resumo, 10 exercícios. Você pode inserir nesse método, outras atividades como, ler um livro, explicar para si mesmo em voz alta, ou escrever um texto sobre o acabou de aprender, enfim, faça o seu plano de estudos para o concurso do jeito e na ordem em que você se sente mais à vontade. Veja no exemplo:

Note que alguns assuntos são mais fáceis de assimilar, portanto você pode inseri-los em um mesmo dia de estudo. Já outros são mais complicados com muitos detalhes para aprender. Nesse caso, o melhor a fazer é dedicar um dia inteiro ou mais para entender o assunto completamente e saber resolver os exercícios. Nos fins de semana, você pode intensificar os estudos para o concurso público, já que terá mais tempo livre comparado aos dias da semana.

Ciclo de estudos por disciplinas

Para manter o foco nos estudos e, ao mesmo tempo, não se sentir entediado e desmotivado, o ideal é variar as matérias de um dia para o outro e escolher uma quantidade máxima de disciplinas para estudar durante o mês.

No caso do exemplo de plano de estudos mostrado acima, foram escolhidas 10 matérias. Dessa forma, você consegue se manter interessado e motivado a estudar para o concurso público.

Depois de terminar esse ciclo de estudos por disciplinas, faça um planejamento de estudos focado nas matérias que você ainda não estudou, e assim por diante.

Cursos online para concursos públicos

Para facilitar ainda mais os seus estudos, conte com a praticidade e a facilidade dos cursos online para concursos públicos, uma vez que o método de ensino é condizente com o conteúdo cobrado em editais de concursos e em provas anteriores, com exercícios retirados de questões de banca organizadoras, o que direciona o seu plano de estudos para a aprovação.

Os cursos online do IOB Concursos oferecem plano de estudos e são separados por disciplinas. Em cada disciplina, os assuntos são divididos por capítulos separado por aulas focadas em um único tema.

Além das videoaulas, você terá a possibilidade de fazer download das suas anotações com os principais tópicos da aula, assistir palestras, fazer simulados de concursos, receber um livro por disciplina com o conteúdo das aulas e questões e contar com o acompanhamento de um orientador para tirar dúvidas.

Clique aqui, e estude grátis para concursos por até 30 dias.

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2017 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo