Você está aqui:Home » Dicas » Pais e Filhos » 8 passos para interagir com a vida escolar de seu filho

8 passos para interagir com a vida escolar de seu filho

Muito além das reuniões, os pais precisam participar da vida escolar do seu filho para garantir o desenvolvimento

Olá, leitores!

Nas últimas décadas, a participação dos pais na vida escolar dos filhos se tornou tema de debate internacional. Isso porque, pesquisas recentes realizadas em diversos países, bem como discursos de especialistas e professores, apontam que quanto mais ativos os pais, maior a chance de o filho obter um bom desempenho educacional e ser bem sucedido nos estudos, sua vida pessoal e também profissional.

Para garantir o desenvolvimento de uma criança, é importante que pais e escola caminhem juntos, ainda que cada um faça a sua parte separadamente, já que são os principais autores e influências na criação e modelagem do caráter da criança, são nesses ambientes que os jovens aprendem e desenvolvem sua moral e seu modo de observar os acontecimentos cotidianos.

Essa parceria reforça o vínculo entre o aluno e a escola, fazendo com que, muitas vezes, o filho se motive mais ao aprender. Por isso, separamos algumas dicas para garantir maior interação com a vida escolar do seu filho, conselhos simples, mas que podem modificar o aprendizado, melhorando-o em diversos aspectos:

pai-e-filha-patinando

  1. Mantenha-se conectado a escola. Não importa o meio, telefone, agenda escolar ou e-mail, é importante que você crie um canal para se informar sobre as lições de casa, as reuniões de pais, boletim e, principalmente, desempenho e comportamento do seu filho. Algumas escolas, inclusive, mantém um portal na internet ou grupos de discussão no Facebook para facilitar essa troca de informações entre pais e professores;
  2. Esteja presente na hora da lição de casa. Não dê respostas e nem corrija-o, mas mostre-se disponível para ajuda-lo sempre que necessário, assim o filho entende que pode fazer seus deveres com autonomia, porém os pais serão pessoas que podem ajudar sempre que encontrar dúvidas;
  3. Confira o dever. Verifique se o seu filho fez realmente o dever de casa ou se apenas fingiu. Sente e converse sobre a importância das lições e mostre que está sempre ali;
  4. Converse mais. Pergunte o conteúdo que está aprendendo na escola e procure saber o que ele fez durante o dia. Demonstrar interesse faz com que seu filho tenha ainda mais vontade de aprender, causa uma motivação para estudar e conhecer muito mais;
  5. Participe das atividades extracurriculares. Muitas escolas tem atividades para pais e filhos nos fins de semana ou durante a noite, depois do expediente. A ideia é aproximá-los da vida escolar e fazer com que as crianças se divirtam, mostrando que os diferentes ambientes, escola e casa, formam uma união que está disposto a capacitar os filhos aprenderem sempre;
  6. Seja voluntário. Ofereça ajuda à escola em festas juninas, piqueniques, atividades extracurriculares, entre outras, os filhos verão que os pais se interessam pela escola dos filhos e que querem o melhor para ele e para a educação em geral. As ocasiões são muitas, aproveite!
  7. Dê sugestões aos professores e coordenadores. Participar é ir além das reuniões e, por isso, uma ótima dica é dar sugestões de aulas e atividades extras aos professores. Afinal, ninguém conhece melhor os seus filhos do que você mesmo;
  8. Converse com o professor mais vezes. Ligue ou aproveite o tempo livre para passar na escola e verificar como está o desempenho do seu filho e sua relação com os colegas. Aproveite para extrair o máximo de informações com o professor para assim, refletir com seu filho o que está certo e os aspectos para melhorar, criando assim fortes laços de amizade.

Até breve!

Deixe um comentário

© 2012-2017 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo