Você está aqui:Home » Vídeo Aula » Empreendedorismo » Marketing: Como agregar valor ao seu produto

Marketing: Como agregar valor ao seu produto

Olá, leitor!

Em um mercado de trabalho altamente competitivo, não só existe diversas empresas que oferecem o mesmo produto como também se torna cada vez mais especializada em fazê-lo, seja pela qualidade, pelo serviço que presta, pelo atendimento ao cliente, agilidade na entrega, programa de fidelização, entre outros. Deste modo, para que o empreendedor consiga agregar valor aos seus produtos é preciso que ele esteja muito atento às necessidades de seus clientes e ao grau de satisfação deles.

O verdadeiro desafio enfrentado pelos empresários está em saber anexar ao produto ou serviço uma proposta que seja facilmente compreendida pelo consumidor e a qual o benefício possa ser ao mesmo tempo mensurado por ele. Isto quer dizer que quando um comprador acha a mercadoria cara, é porque ele não consegue assimilar as condições oferecidas ao real valor do item.

Antes de se pensar na simples ação de aumentar o preço e tentar empurrar isso goela abaixo, três questões devem ser levantadas: qual é o valor econômico do meu produto? Qual é o seu valor funcional? E qual o valor psicológico? A primeira se refere a quantidade e preço, a vantagem monetária; a segunda diz respeito a finalidade, ou seja, o que se obtém de benefício pelo seu uso; e a terceira, está relacionada com ganhos emocionais durante todo o processo da comercialização, do antes até o depois da compra do produto.

  • Parte A – Foco no seu público-alvo

O centro de toda a sua atenção deve estar no seu consumidor, é preciso saber quem são e entender exatamente o que eles necessitam e desejam para que possam ser atendidos. Nesta parte as dicas são:

  • Determine o grau de eficiência que seu cliente atribui para cada uma das funcionalidades do seu produto.
  • Defina quais deles realmente têm peso na conversão – momento da compra, para que não haja desperdício de dinheiro com itens sem importância.
  • Identifique os valores emocionais que atraem o consumidor para que as mentes possam ser fielmente exploradas.
  • Identifique valores racionais, que são aqueles que envolvem a qualidade do material, durabilidade, segurança, facilidade na compra e condições de pagamento, agilidade na entrega, bom atendimento e etc.
  • Parte B – Concorrência

mulher-feliz-com-o-valor-de-seu-produto

Faça uma pesquisa de mercado e conheça quem são os seus maiores concorrentes. Olhe para eles e liste o que possuem de bom para que não falte na sua oferta e pontue também os itens negativos para que os mesmos erros não sejam cometidos.

  • Faça uma auto avaliação, procure provar daquilo que você mesmo oferece, desde o momento da compra, transação, entrega da mercadoria ou serviço, uso do produto e o pós venda. Procure melhorar sempre.
  • Fique atento as brechas! Diante das pesquisas, mantenha os olhos abertos para algum detalhe que seu concorrente não tenha feito ainda e inove.
  • Destaque características exclusivas sobre o seu produto, ainda que seja um único detalhe mas que sirva para te diferenciar dos demais.

No momento atual de “crises”, agregar valor ao produto significa investir em coisas concretas, baseadas em dados reais, sem desperdiçar tempo e dinheiro com chutes. Ser um empreendedor de sucesso exige um preparo, dedicação, análise crítica para que a estratégia seja traçada com foco nos objetivos certos.

Como é possível compreender, a resposta para todo esse processo está no marketing e, principalmente, com foco em um de seus conceitos que é a construção da marca, é por meio dela que os valores são empregados, lembrando sempre que você não é aquilo que você se diz ser, mas a maneira como é percebido.

Até logo!

comentários (1)

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo