Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » 6 alternativas para substituir um MBA

6 alternativas para substituir um MBA

Olá, leitor!

Se você está inseguro quanto a realizar um MBA e fica se perguntando se essa é a melhor opção para você, não se desespere. Fizemos um apanhado com algumas sugestões para você determinar e escolher as melhores alternativas para substituir um MBA.

Claro, toda forma de aprendizado e pós-graduação é válida, mas você precisa determinar o que cada uma te proporciona antes de investir tempo e possivelmente dinheiro, não é mesmo?

E se tratando de um MBA então, certamente você vai ter que despender de uma quantia considerável para ter esse tipo de pós-graduação. Por outro lado, podem existir alternativas mais baratas e acima de tudo, mais condizentes com sua projeção profissional.

Quer acabar de uma vez por todas com essa dúvida? Conheça 6 alternativas para substituir um MBA e saiba exatamente o que é melhor para seu futuro, confira!

Por que substituir uma MBA

alternativas_para_substitui_um_MBA

Com toda a certeza, um MBA pode trazer muitas vantagens para o estudante, pois oferta um conhecimento prático aplicado no dia a dia empresarial. Assim como muitas outras formas de se pós graduar, certamente o MBA pode ser um diferencial em um currículo.

Por sua vez, o MBA é voltado para a área de negócios com aplicações em diferentes setores como financeiro, administrativo, gestão empresarial e marketing, por exemplo, isso por si só já mostra como o interessado em um MBA precisa buscar algo na área.

Existe uma indicação muito forte de que o MBA deve ser aproveitado por profissionais que já possuem algum tempo no mercado. Em resumo, contar com uma experiência de mercado é o mais indicado ao pensar num MBA.

Um segundo ponto a levar em consideração na hora de pensar em substituir o MBA, é seu alto custo agregado. Dessa forma, é uma opção de formação com custos elevados onde a maioria não consegue se encaixar, afinal para os estudantes formados e em busca de emprego, a questão financeira é delicada.

Por outro lado, existem diversas opções de formação semelhantes ao MBA e que podem oferecer os mesmos benefícios. Afinal, todo tipo de formação é importante, desde que adequada a um contexto definido pelo estudante.

Descubra 6 alternativas para substituir um MBA

Ficou instigado e dar continuidade aos estudos mesmo que não seja com um MBA? Saiba agora como essas 6 alternativas para substituir um MBA que vamos apresentar, podem trazer possibilidades reais de trabalho e carreira profissional, confira logo a seguir!

1 – Mestrado

O mestrado possui caráter Stricto Sensu e tem como objetivo direto a formação para grau acadêmico, ou seja, é indicado para quem busca atuar na área de pesquisa científica ou do ensino.

Isso não quer dizer que os profissionais atuantes de outras não podem realizar um mestrado, por exemplo. Desde que atenda às exigências da área de atuação e o profissional consiga adequar o conhecimento para suas habilidades, é muito recomendado.

Muito aproveitado pelo estudantes e profissionais que buscam formação como pesquisadores e professores. Assim que finalizar seu tempo de estudos os alunos recebem o título de mestre.

2 – Doutorado

Depois do mestrado o estudante formado e já com o título de mestre, pode atender a uma nova gama de conhecimentos aprofundados. Em outras palavras, é uma continuação do mestrado onde o interessado aprende as complexidades dos assuntos abordados. É também uma área de conhecimento mais prática, assim como o MBA.

Novamente, é o meio mais indicado para quem deseja seguir carreira na área da pesquisa e do ensino. A diferença mais presente do doutorado para o mestrado, é que o doutorado exige um trabalho de conclusão de curso, onde o aluno deve defender a tese sobre a pesquisa apresentada no curso.

Assim como o MBA, o doutorado pode te posicionar assertivamente num seleto mercado, mas você precisa definir primeiramente o que pretende seguir.

3 – Especialização

Se você acabou de se formar ou já está dentro do mercado de trabalho, uma especialização pode ser o ideal para você. Isso porque as especializações são ideais para quem busca aperfeiçoamento ou mesmo maior capacitação profissional.

As especializações possuem um caráter Lato Sensu (sentido amplo), ou seja, são cursos que apresentam maior flexibilidade tanto na carga horária, quanto na quantidade de conteúdo estudados.

Se você não pretende seguir um rumo específico, como o meio administrativo e está em busca de algo que possa reafirmar o profissional que já é certamente essa pode ser uma das alternativas para um MBA e que age positivamente em sua carreira.

4 – Mestrado profissional

Essa modalidade de pós-graduação segue mais ou menos a mesma linha de um mestrado normal. A diferença fica a cargo da possibilidade de o estudante seguir carreira acadêmica, mas seu foco maior é no mercado de trabalho.

Portanto, o foco do mestrado profissional é ampliar os conhecimentos empregados em ambiente profissional, ou seja, o estudante pode utilizar esse conhecimento juntamente com a profissão que já desempenha.

Diferentemente de uma pós-graduação Lato Sensu, o mestrado profissional exige maior empenho e dedicação integral, sendo assim, é importante ter isso em mente.

5 – Trainee ou Programa de Desenvolvimento Rotacional

O trainee, nada mais é do que um treinamento diferenciado aplicado a um recém-formado em uma determinada área de atuação. Essa modalidade de estudo tem como principal finalidade trazer ao profissional conhecimentos específicos para aumentar seu grau de conhecimento na área.

Em muitos casos, o profissional é treinado diretamente em uma empresa. Sendo assim, já estará conhecendo como funciona cada processo de cada departamento. É um ganho de experiência muito grande que tem forte impacto na carreira profissional.

Os programas de trainee possuem carga horária facilitada e duração de até 3 anos, dependendo da empresa escolhida para realizar o treinamento.

6 – Certificado CFA

Esse tipo de graduação está intimamente ligado ao setor financeiro, seja no mercado como em empresas. Assim como o MBA também pode atuar na área financeira, o certificado CFA (Chatered Financial Analyst) ou Analista Financeiro Certificado, é para tornar o profissional da área, em um expert em finanças.

Portanto, se você gostaria de utilizar a certificação em um MBA para trabalhar na área financeira de uma empresa ou mesmo no amplo mercado, talvez o certificado CFA possa trazer essas características que tanto busca.

Apesar de ser uma das alternativas para um MBA, apresenta um alto grau de dificuldade na hora de realizar o teste para conseguir o certificado. Assim como o MBA, é recomendado experiência na área de atuação, pois o conhecimento é bastante específico.

O certificado pode ser um diferencial e tanto na hora de apresentar tal conhecimento no mercado, pois essa certificação mostra que o profissional está mais do que capacitado para atuar na área financeira, seja onde for.

Esperamos ter mostrado de maneira positiva e eficaz, que você pode sim contar com uma graduação adequada e que, o MBA é muito bem visto no mercado profissional, mas não é a única ferramenta que você pode adquirir.

Busque aquela que melhor se encaixa em seu perfil e persiga a excelência nos estudos para que isso reflita diretamente em sua imagem profissional.

Bons estudos e até breve!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo