Você está aqui:Home » Dicas » Arte e Cultura » 5 teatros ao redor do mundo com visitas virtuais gratuitas que você precisa conhecer

5 teatros ao redor do mundo com visitas virtuais gratuitas que você precisa conhecer

Olá, leitor(a)! 

Surgido na Grécia Antiga, o teatro é uma expressão artística que nos permite, por meio da interpretação dos atores, conhecer outras realidades, outros dilemas e, assim, ampliar nossa visão sobre o mundo. Por isso, é fundamental para a manutenção de nossa condição humana. Apesar disso, essa atividade contemplativa acaba suprimida pela correria cotidiana e é comum que nos falte tempo para assistir a uma apresentação cênica. 

Se esse é o seu caso, não se preocupe, pois hoje temos a dica perfeita para quem deseja se (re)aproximar do teatro sem sair do conforto do sofá. É que montamos uma lista com cinco casas de espetáculo que disponibilizam visitas virtuais gratuitas. Acompanhe! 

Teatros com visitas virtuais gratuitas 

Separamos alguns dos teatros constantemente apontados como os mais bonitos do mundo. Observando a diversidade, optamos por indicar estabelecimentos localizados em várias partes do planeta, da Amazônia até a Austrália. Veja só: 

5 teatros ao redor do mundo com visitas virtuais gratuitas que você precisa conhecer

Fonte: Reprodução

1. Teatro Amazonas, Manaus, Brasil 

Amplamente listado como uma das casas de ópera mais belas que existem, incluindo menções recentes nos veículos BBC e Vogue, o Teatro Amazonas foi inaugurado em 1896, representando o ápice da riqueza gerada pelo Ciclo da Borracha. Idealizado pelo arquiteto italiano Celestial Sacardim, o estabelecimento contempla os estilos renascentista, barroco e neoclássico, além de contar com obras que homenageiam grandes nomes das artes cênicas, como o compositor brasileiro Carlos Gomes.  

Considerado Patrimônio Histórico Nacional desde o final da década de 1960, o Teatro já foi palco para artistas como Ana Botafogo, Milton Nascimento e Bibi Ferreira. Atualmente, sedia o Festival Amazonas de Ópera, maior evento de ópera da América Latina. Para conhecer todos os detalhes dessa joia amazônica, clique aqui e acesse o tour on-line, disponível tanto no vídeo da visita guiada quanto na projeção em 360º. 

2. Globe Theatre, Londres, Reino Unido 

Inaugurado em 1997, o Globe Theatre é uma réplica dos teatros elisabetanos que presenciaram as montagens originais das peças de William Shakespeare. Para reconstruir a atmosfera da época com precisão, o local conta com um auditório 360º e a céu aberto, reserva uma parte da plateia para que os espectadores fiquem de pé e obteve uma permissão especial para manter um telhado de palha, o que é proibido em Londres desde 1666. 

Apesar do foco em obras shakespearianas e do começo do Renascimento, o teatro também abriga peças contemporâneas, sessões de cinema, concertos e workshops. Seu tour virtual em 360º procura ser bastante interativo; logo, traz vídeos, fotos e textos. O conteúdo, em inglês, está disponível no próprio site do Globe. Para acessar, clique aqui e depois selecione a descrição “View this image”. 

3. Palais Garnier, Paris, França 

Inaugurado em 1875 e construído sobre um lago subterrâneo, o Palais Garnier é o cenário do livro O Fantasma da Ópera, que foi adaptado para o cinema inúmeras vezes e deu origem a uma das peças de teatro musical mais famosas de todos os tempos. Idealizada pelo arquiteto Charles Garnier, a casa de espetáculos é o ícone do estilo arquitetônico conhecido como Napoleão III, que mistura inspirações renascentistas, clássicas e barrocas e era típico das transformações pelas quais Paris passava no final do século XIX. 

Sendo atualmente uma das sedes da Companhia Nacional de Ópera de Paris, o Palais Garnier foi palco de obras de grandes compositores e coreógrafos, como Giuseppe Verdi, Richard Strauss e Michel Fokine. O teatro conta com diversos recursos on-line gratuitos no Google Arts & Culture, que incluem exposições e visitas em 360º ao auditório, aos telhados e ao lago subterrâneo. Os conteúdos estão em inglês, mas é possível traduzi-los com a ferramenta do navegador. Clique aqui para acessar e desvendar todos os mistérios do local.

4. Teatro alla Scala, Milão, Itália 

Inaugurado em 1778, o Teatro alla Scala, localizado em Milão, é um dos principais teatros do mundo e um dos responsáveis pela popularização da ópera. Ao longo dos anos, o estabelecimento protagonizou muitos momentos de pioneirismo, sendo, por exemplo, a primeira casa de ópera do mundo a ser receber eletricidade; o palco de estreia de espetáculos como Madame Butterfly e Turandot; e o primeiro teatro europeu a reabrir depois da Segunda Guerra Mundial. 

Por sua relevância, o Teatro alla Scala conta com uma página inteira na plataforma do Google Arts & Culture. Nela, é possível encontrar fotos, exposições, informações históricas, curiosidades de bastidores, figurinos, cartazes, manuscritos e até vídeos de apresentações. O conteúdo pode ser traduzido automaticamente do inglês para o português. Clique aqui para acessar e conhecer esse edifício que respira arte e história. 

5. Sydney Opera House, Sydney, Austrália 

Famosa por sua arquitetura marcante, com uma cobertura composta por estruturas que lembram velas de navios, a Sydney Opera House levou mais de dez anos para ser construída, inaugurada oficialmente em 1973. Quando o teatro foi declarado Patrimônio Mundial da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), em 2007, seu arquiteto, Jørn Utzo, se tornou a segunda pessoa do mundo a receber esse reconhecimento ainda em vida, honraria que, antes disso, havia sido concedida somente a Oscar Niemeyer. 

Dado o seu peso cultural, a Sydney Opera House disponibiliza fotos, exposições, visitas virtuais e um vídeo em 360º, que contempla um tour pelo teatro acompanhado por performances musicais. Para acessar o vídeo, basta clicar aqui. Já para conhecer as fotos e as mostras, é só acessar aqui. Lembre-se de ativar a tradução do navegador. 

Bônus 

Para você que gostou desses locais e deseja saber mais sobre as artes cênicas, indicamos o Ted Talk Por que o teatro é essencial para a democracia?, ministrado por Oskar Eustis, diretor artístico do Teatro Público de Nova York. Durante a palestra, ele explica como o teatro, ao apresentar diferentes pontos de vista para a plateia, estimula o diálogo e está, portanto, intimamente ligado ao surgimento e à manutenção da democracia. O vídeo é bem rápido, com apenas 13 minutos de duração. Clique aqui para acessar e lembre-se de ativar as legendas. 

E então? Já sabe qual teatro vai visitar primeiro? Compartilhe o artigo para que mais pessoas tenham a chance de conhecer esses estabelecimentos deslumbrantes! 

No Canal do Ensino, leia também: 

Boa visita! 

Deixe um comentário

© 2012-2019 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo