Você está aqui:Home » Vídeo Aula » 4 vídeos para aprender tabuada

4 vídeos para aprender tabuada

Aprenda a tabuada a partir de vídeos e memorize-a de uma maneira mais dinâmica, criativa e com dicas incríveis

Olá, leitores!

Para aprender a tabuada, além de compreender a sua estrutura é necessário memorizá-la. Muitas crianças e até adultos sentem dificuldade em decorá-la simplesmente por não exercitarem a memorização. Conheça mais sobre as tabuadas, seus usos, importância e técnicas de memorização encontradas em vídeos e veja como pode ser simples esse aprendizado.

O que é tabuada?

O termo “Tabuada” tem sua origem nas tábuas de cálculos, que foram criadas para agilizarem as contagens em transações comerciais. Ela pode ser definida como uma tabela ou um conjunto de tabelas com operações básicas envolvendo números inteiros.

A tabuada mais conhecida da história é a tábua criada por Pitágoras, filósofo e matemático grego do século VI a.C., com a qual é possível efetuar todas as operações de multiplicação existentes na tabuada tradicional com os números organizados em linhas e colunas.

O objetivo principal de uma tabuada é a memorização destas operações mais comuns que facilitam os cálculos mais complexos e até mesmo eliminam as operações mais simples.

A maioria das pessoas pensam que a única tabuada existente é a de multiplicação, no entanto existem as tabuadas da adição, da subtração, da multiplicação e da divisão.

As utilidades da tabuada no cotidiano

Por que é muito importante conhecer as quatro tabuadas? Porque o conhecimento das tabuadas torna muito mais rápido e preciso as operações mais comuns, frequentemente encontradas no nosso dia a dia e, principalmente, durante as provas e testes escolares. Mesmo em contas mais complexas, ganhamos mais agilidade nos cálculos quando não precisamos parar frequentemente para encontrar os resultados de pequenas operações.

As principais vantagens em saber as tabuadas são:

  • Aumento da precisão nos cálculos;
  • Aumento na velocidade de realização dos cálculos;
  • Diminuição da fadiga mental causada em processos longos, como as provas;
  • Otimização do raciocínio que passa a focar mais na estrutura e etapas de um problema.

Estamos cercados por tabelas e, sem perceber, também por tabuadas em nosso cotidiano. É comum, por exemplo, os comerciantes deixarem tabelas de preços prontas para a consulta quando trabalham com quantidades variáveis.

No entanto, o hábito de consultá-las a cada venda vai perdendo o sentido quando alguns resultados já estão memorizados. O mesmo acontece quando estudamos as tabuadas.

As tabuadas, como qualquer tabela, são construídas e ensinadas para serem consultadas e quando essas observações estão contextualizadas na resolução de problemas, ganha significado e sentido, e as tabuadas são naturalmente internalizadas, assim como ocorre com o alfabeto, os números de telefones e outras memorizações do nosso cotidiano.

Dicas para decorar a tabuada

simbolos-matematicos

A tabuada de multiplicação é sempre a mais cobrada no âmbito escolar, porque para entendê-la é necessário, antes, saber somar. Para isso, o aluno precisa conhecer a noção de quantidade e, desta forma, passar por todas as etapas para poder avançar.

A aprendizagem da tabuada funciona como uma alfabetização na matemática. Se não aprende a tabuada, não avança na resolução de nenhum problema. Da mesma forma que, sem conhecer a construção da escrita, não há leitura ou interpretação de texto. No entanto, é importante saber como decorar a tabuada.

Para começar, siga essas dicas:

  • Você não irá memorizar toda a tabuada em um só dia, porém pode compreender sua estrutura em poucas horas;
  • Uma rotina de estudos de apenas dez minutos ao dia permitirá que você a memorize em apenas um mês;
  • Atenção dobrada nas tabuadas do 6, 7 e 8;
  • Dominando a tabuada da multiplicação, imediatamente domina-se a divisão;

Técnicas de tabuada

Para facilitar o processo de memorização da tabuada existem algumas dicas criadas pelos matemáticos e professores de matemática que não é de hoje que nos ajudam muito. Conheça algumas das principais delas:

  • Todo número multiplicado por 0 dá 0;
  • Todo número multiplicado por 1 dá ele mesmo;
  • A ordem dos fatores não altera o produto;
  • Domine as tabuadas do 2, 5 e 10;
  • Entenda que a multiplicação é a soma de um mesmo fator várias vezes;
  • Copie as tabuadas no caderno para consulta.

Como aprender tabuada em vídeos?

Buscar vídeos e aulas online vem se tornando um hábito comum entre os estudantes e professores que buscam mais conteúdos para os seus estudos, de uma forma mais dinâmica, prática e econômica.

Basta uma simples busca pelo Google para encontrarmos diversos vídeos sobre tabuadas com exercícios e aplicações práticas, com arquivos em PDF e links para download. Além de vídeos mais lúdicos para as crianças dos anos iniciais do Ensino Fundamental decorarem a tabuada cantando, por exemplo.

Conheça alguns deles para diversas fases escolares:

  • No canal do site Vestibulândia, no YouTube, os alunos do Ensino Médio que estão se preparando para o ENEM e demais vestibulares podem assistir aulas e dicas de tabuada, além de contarem também com diversos links disponibilizando material e exercícios;
  • Criado com o objetivo de descomplicar a Matemática Básica para os alunos que já chegaram ao Ensino Fundamental II, o canal Bizuin, no YouTube, traz dicas simples e fundamentais para se compreender como utilizar a tábua de Pitágoras;
  • Para compreender algumas curiosidades sobre os mistérios dos números na tabuada, o canal do Manual do Mundo, também no YouTube, traz uma inusitada forma de encontrar os produtos da tabuada sem a necessidade de decorá-la. Suja um pouquinho os dedos, mas é bem interessante;
  • O site “Tabuada” trata somente do tema tabuada e, por isso mesmo, leva este nome. Nele o aluno encontra vídeos que apresentam a construção de cada uma das multiplicações da tradicional tabuada de multiplicação, voltados para quem ainda precisa de uma forcinha na construção e memorização. Além de outras informações, links para imprimir e curiosidades sobre o assunto.

E existem muitos outros sites e vídeos para quem pretende esgotar o assunto, ficar afiado nas tabuadas e mais ágil em qualquer resolução de problemas.

Gostaram das dicas? Deixe seus comentários ou sugestões!

Até logo!

comentários (2)

  • rita

    Minhas filhas adoraram o método de ensino. Hoje graças a esse curso elas sabem muito bem a tabuada.

    Responder
  • Daniel Lemos

    Eu aprendi tabuada assim…

    Eu tinha muita dificuldade de memorização. A professora, na forma mais tradicional possível, mandava a gente ficar decorando as combinações numéricas, que para mim não faziam muito sentido. Olhando lá a tabuada, eu só sabia que 7 x 3 = 21 e pronto. Nem conseguia visualizar isso sendo aplicado na vida real.

    Só comecei a aceitar essa abstração depois que a professora começou a passar uns exercícios de armar e efetuar. Como eu não tinha conseguido decorar muito bem as tabuadas, tinha de ficar consultando-as o tempo todo pra conseguir fazer as operações. E foi dessa forma que magicamente comecei a memorizar as tabuadas.

    Acredito que isso aconteceu porque tinha surgido um propósito, uma aplicação para a tabuada. A memorização aconteceu de forma natural, porque eu estava de fato “usando” a tabuada para alguma coisa (como acontece com quem consulta uma tabela de preços o tempo todo para vender produtos).

    Responder

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo