Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » 13 dicionários italiano português online grátis

13 dicionários italiano português online grátis

Dicionários italiano-português podem ser uma ótima ferramenta para quem quer aprender esse idioma. Pensando nisso, para facilitar a vida de todos os interessados em aprender italiano, separamos uma lista com 13 dicionários italiano-português online e totalmente grátis para os estudantes que querem potencializar o seu aprendizado.

Olá, leitor!

Atualmente, existem no Brasil, cerca de 25 milhões de descendentes de italianos, os chamados oriundi, que correspondem a quase 15% da população brasileira. O idioma permeia o nosso, criando palavras, expressões e sotaques próprios.

Muitas dessas pessoas, buscando oportunidades de trabalho, dupla cidadania, reconexão com suas raízes ou mesmo somente um novo aprendizado, optam por aprender o idioma toscano.

É claro que não podemos esquecer que esse interesse não limita-se somente à colônia italiana no Brasil. Aos interessados, descendentes ou não, existem diversas opções gratuitas de dicionários italiano português online, para uma melhor prática e compreensão do idioma. Confira!

Conheça 13 dicionários italiano português online grátis

dicionarios_italiano_portugues_

1 – Dicionário Reverso

Essa opção contém milhares de expressões e palavras na língua italiana. A base dos dados da ferramenta são os famosos dicionários Collins, porém, também é possível aos usuários enviarem suas colaborações, fazendo, assim, o conteúdo crescer ainda mais.

Ainda é possível ao aluno, consultar as últimas palavras buscadas e  aprender mais sobre gramática em conjugação.

2 – Dicionário Michaelis

Uma já conhecida família de dicionários, abrigada sob dois grande guarda-chuvas de conteúdo: o dicionário Aurélio, referência na língua portuguesa e o portal UOL.

É possível ao estudante, além de pesquisar os termos que desejar, encontrar a escrita fonética, ouvir a pronúncia, ver os diversos significados do verbete e as expressões que os contém, também pesquisar as palavras mais buscadas por meio de nuvens de tags dispostas no lado direito da tela.

3 – Infopedia

Um dicionário bem completo, que funciona em ambos os sentidos: traduz tanto do italiano para o português, quanto do português para o italiano. O sistema de previsão de palavras é bem eficiente, apresentando diversas expressões, que também aparecem juntamente com a descrição do verbete.

Você também encontra uma breve análise morfológica da palavra, bem como a escrita fonética da mesma. Além de algumas palavras relacionadas à procurada.

Para validar o resultado apresentado ao aluno, o dicionário, ainda, disponibiliza as fontes pesquisadas, de onde a definição veio.

O site, além do italiano oferece suporte a várias outras línguas, inclusive ao português. Apesar de o usuário não poder acrescentar ou sugerir verbetes novos, o conteúdo está sempre em crescimento, mantido pela própria equipe do site.

4 – Dicionário Linguee

O Linguee apresenta uma proposta um pouco diferente dos outros dicionários. Nele o aluno procura por uma palavra em italiano ou português (ou mesmo em ambos, simultaneamente) e são apresentados diversos textos, contendo aquela palavra ou expressão, em versões de ambos os idiomas.

Os textos apresentados são bem variados, podendo ser peças jurídicas, informativas, artigos e propagandas. Muito bom para aqueles alunos que fixam melhor uma palavra quando a veem aplicada a uma situação da vida real. Recomendado para alunos com um pouco mais de experiência.

5 – Babylon

Um dos mais antigos dicionários online, disponível em vários idiomas. O fato de estar ativo e em crescimento a tanto tempo, se deve a gama de opções oferecidas ao aluno.

O Babylon traduz de qualquer idioma para qualquer idioma. Algumas particularidades do dicionário Babylon são a tradução de termos técnicos entre os idiomas (situação que, em outras ferramentas poderia ocasionar falsos cognatos), palavras alternativas e usos específicos para cada país, classificações gramaticais para os termos apresentados, dicas para usos formais e informais do idioma.

O site ainda conta com um dicionário de sinônimos, para que o aluno aumente ainda mais seu repertório de palavras.

6 – E-Translator

O E-Translator, segue o modelo de crescimento por lateralidade. Ele trabalha com vários idiomas, sem aprofundar-se muito em cada um. Ideal para iniciantes que queiram adquirir um vocabulário com mais velocidade.

A própria ferramenta deixa bem claro que é um serviço de tradução coloquial e informal. Portanto, pede-se ao aluno que evite utilizá-lo para a tradução de termos técnicos, traduções extensas, negociações internacionais ou termos médicos.

O serviço não apresenta tradução em tempo real, previsões ou análise das palavras, sendo mais recomendado para trabalhos rápido e pontuais.

7 – Palavras Italianas

Este é um dicionário com um número um pouco menor de conteúdo, porém, todo ele organizado. O aluno poderá fazer a pesquisa não somente pela palavra, como, também, pesquisar por categoria, favorecendo, assim, o estudo de um tema específico, no qual ele sinta necessidade de um domínio maior.

O dicionário apresenta a tradução e uma breve análise da palavra, além de links para definições em diversos outros dicionários online. Apesar de o usuário não poder, efetivamente, alterar o conteúdo da definição do verbete, é possível, a este, enviar sugestões para a comunidade mantenedora do serviço.

O site conta, ainda com algumas seções sobre a cultura italiana e, mais interessante, uma lista de falsos cognatos, chamados de falsi amici (falsos amigos, em italiano), ferramenta muito útil diariamente, que pode economizar alguns preciosos minutos quando se estuda línguas latinas como o italiano.

8 – Globse

O site é recomendável para alunos que tenham, também, um conhecimento básico de inglês, visto que algumas funções da ferramenta ainda estão neste idioma. Do mais, o serviço é bem completo, pois conta com participação dos usuários, que podem adicionar traduções de um verbete, após um cadastro de usuário.

Cada tradução indica quem a adicionou, numa tentativa de diminuir as chances de uma tradução errada. Cada tradução também apresenta uma breve análise das palavras geradas e uma leitura fonética do termo pesquisado.

Um diferencial interessante, é a presença de uma galeria de imagens relacionadas a cada termo pesquisado, como um reforço visual para o aprendizado.

9 – Babel Mundo

Este dicionário, em particular, apresenta, ao aluno, a palavra pesquisada, sempre inserida em frases, para aqueles que buscam um melhor entendimento de palavras postas num contexto.

Todas as frases apresentam um pequeno clipe de áudio, tanto em português, quanto em italiano. Para algumas palavras, ainda, é possível se obter uma análise gramatical da mesma, porém esse atributo não está presente em todos os verbetes.

Por ser um trabalho que não permite contribuições de comunidade de usuários e, mesmo assim, apresentar clipes de voz, a quantidade de verbetes ainda é limitada, contendo, pouco menos de dez mil palavras em cada idioma, o que está dentro de um crescimento orgânico de um banco de dados.

10 – Aprendendo Italiano

Este, realmente, cumpre a função a que se propõe. O título já denuncia: “Pequeno dicionário de italiano para viagem”. É, tão somente um guia rápido de palavras e expressões em italiano, para pessoas que farão viagens rápidas e são, completamente, iniciantes no idioma do país de destino.

A lista conta com algumas dezenas de vocábulos úteis ao aluno, acompanhados de áudios de até dois segundos. Para os que querem uma compreensão efetiva da língua, é possível encontrar algumas propostas de cursos, porém, estes não são gratuitos.

Recomendado para pessoas que não se sentem confortáveis em pedir auxílio ao seu acompanhante em todas as interações que possam vir a ter com um falante nativo.

11 – Tradutor 24×7

É um tradutor simples, cujo uso é mais recomendável para outros idiomas com base de dados maior, como o inglês. Porém, pode ser usado para pesquisas rápidas e textos pequenos. Funciona em ambas as vias de tradução.

Além da palavra traduzida, esta ferramenta apresenta, como diferencial, uma pequena descrição enciclopédica da palavra pesquisada, no idioma para o qual se quer traduzir.

12 – Aprender Línguas

Também trata-se de outra lista de palavras e expressões em língua italiana. Usa uma interface amigável e, por tratar-se de uma lista pequena, as palavras incluídas figuram entre as mais usadas do idioma.

O idealizador da lista tomou o cuidado de destacar diferenças entre o português europeu e o brasileiro, bem como o de colocar amostras de áudio, para que o aluno pratique a habilidade de escutar o idioma desde o início. Início porque esse material é voltado para iniciantes em italiano.

Além dessa opção gratuita, a página, também, oferece uma lista de links aos que desejam adquirir alguns materiais pagos.

13 – Word Reference

Apesar do que é citado logo na página inicial da ferramenta (a de que esse é um dicionário que faz uso do idioma inglês como intermediário), as traduções dele são extremamente confiáveis.

Todo o site é traduzido para o idioma de origem e a lista de traduções possíveis a uma palavra é bem extensa. Além de análise das palavras em ambos os idiomas, escrita fonética e amostra de áudio para a palavra pesquisada, o aluno irá se deparar com um número muito grande de casos de uso da palavra pesquisada.

Não raro uma pesquisa simples se tornará num aprendizado de vários novos verbetes e expressões, bem como um reforço na gramática e em assuntos já conhecidos. Recomendada tanto para iniciantes, quanto para aqueles que querem se aprofundar mais no idioma italiano, por ser extremamente completo.

Para captar ainda mais o interesse do aluno e aumentar seu aprendizado, ainda é possível estudar o plural da palavra pesquisada e uma pequena lista de palavras próximas, no banco de dados do site.

Aprender um idioma novo pode ser difícil. E a conversação e vivência são fundamentais. Porém, aos que não dispõem de tanto tempo ou dinheiro, ferramentas como essas tornam-se de grande valia. Sobretudo em idiomas complexos como o italiano.

Até logo!

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo