Você está aqui:Home » Dicas » Estudantes » 11 dicas para economizar dinheiro com a vida de estudante

11 dicas para economizar dinheiro com a vida de estudante

Olá, leitor!

Uma das maiores realizações na vida de um estudante é passar no vestibular e entrar na faculdade, mas com isso, grandes responsabilidades surgem – e não tem como fugir delas – e é nesse momento, que aquele adolescente que não tinha grandes problemas para se preocupar, passa a ser responsável por sua vida financeira.

Mesmo que você estude em uma universidade particular e seus pais paguem o curso ou você conseguiu entrar em uma instituição de ensino superior pública, o fato é que ainda assim há gastos com transportes, alimentação, livros, equipamentos, cópias, entre tantas outras coisas.

Obviamente, você como uma pessoa independente que está se tornando adulta, não quer passar o resto da vida sendo bancado pelos pais, e é nesse ponto que você começa a conquistar sua liberdade, administrando suas finanças.

Sabemos que a vida de estudante não é nada fácil, e ter uma preocupação a mais na cabeça torna as coisas mais difíceis e cansativas. Mas, isso faz parte do crescimento pessoal de cada um, e é pensando e te ajudar a crescer com mais facilidade, que nós do Canal do Ensino preparamos algumas dicas que vão te ajudar a organizar as suas finanças, e quem sabe, até sobrar um dinheiro para guardar na poupança. Portanto, confira a seguir as melhores dicas para economizar!

Preparado para as 11 dicas que te ajudarão a economizar?

11-dicas-para-economizar-dinheiro-com-a-vida-de-estudante

1 – Classifique suas despesas em prioridades

Faça uma planilha com as principais contas que você que tem que pagar no mês. Caso estude em outra cidade tem que pagar aluguel, água, luz, alimentação, em alguns casos, a mensalidade da faculdade. Mesmo se mora na casa dos seus pais, você precisa pagar o transporte para a faculdade. Todas essas são as despesas que você precisa pagar mensalmente, então elas são prioridades.

Nessa mesma planilha registre os seus ganhos, se os seus pais pagam mesada, se você trabalha registrado, se faz algum serviço de freelancer. Ou seja, todas as entradas devem ser registradas para que você saiba exatamente quanto você tem e quanto você pode gastar todos os meses.

Dessa forma, você não corre o risco de ficar negativado no final do mês, e começar o mês seguinte com dívidas e pagando juros.

2 – Leve comida de casa

Uns dos maiores gastos que pode existir na vida de um estudante, é com a alimentação, pois, tudo é muito caro, principalmente dentro das universidades, e esse é um gasto que se colocado na ponta do lápis, pesa bastante no bolso no final do mês, mas existe uma forma muito prática de economizar, leve comida de casa.

Muitas universidades permitem que seus alunos aqueçam suas marmitas nas cozinhas, ou se preferir, leve saladas, lanche natural, sucos, shakes. Fazendo isso, além de economizar, você ainda estará mantendo uma alimentação mais controlada e saudável.

Outra dica é sempre ter um salgadinho, castanhas ou frutas na bolsa, assim, se você sentir aquela fome inesperada no meio do caminho para casa, não vai parar para comer um pastel ou coxinha no meio do caminho, olha quanta economia.

3 – Pague as contas em dia

Ao pagar suas contas em dia, você evita o pagamento de multas e juros por atraso, além do desconforto de ficar recebendo ligações de cobrança. Se você não consegue fazer isso, use aplicativos que indicam a data do vencimento de suas contas, assim você não pagará atrasado, e economizará mais um pouco.

Você pode até pensar, “mas os juros dessa conta é tão baixo”, pois é, mas você conhece aquele ditado “de grão em grão a galinha enche o papo”? É exatamente isso que estou te ajudando a fazer, economizar nos pequenos detalhes, nas pequenas contas para melhorar e facilitar sua vida de estudante.

4 – Tirar xerox é mesmo importante?

Quando você tira xerox de um material para estudo, quantas vezes você pega nele para estudar? Uma? Apenas para a prova? E depois o que você faz com a pilha de papel que você tirou cópia o ano inteiro? Joga fora? Sinceramente, não conheço ninguém que guardou xerox como material de apoio para estudar no ano seguinte.

Você pode estar se perguntando o que fazer então para conseguir o material da aula que você faltou. Simples, tire fotos com o seu celular, use aplicativos que escaneiam com ótima qualidade, como, por exemplo, o CamScanner – e ele é gratuito. Assim, além de economizar muito dinheiro no final do mês, você ainda estará contribuindo com a qualidade do meio ambiente.

5 – O que fazer com as leituras obrigatórias?

No início de cada semestre os professores passam uma lista monstruosa de livros recomendados para estudo. A leitura deles é imposta, ou seja, você se sente obrigado a comprar esses livros, e todo mundo sabe que livro universitário não é nada barato, e o pior é que na maioria dos casos, apenas um capítulo dele será útil para você.

Então porque comprar tantos livros se você quer economizar? Para resolver isso, existem alternativas bastante viáveis, como usar os livros da biblioteca da universidade. Se a sua universidade tem um acervo pequeno de determinado material, busque universidades públicas em que as bibliotecas podem ser visitadas e você pode estudar lá.

Caso você note que algum livro é fundamental para o seu futuro profissional, você pode comprá-lo em um sebo, ou ainda, adquirir a versão virtual dele, que na maioria das vezes é bem mais barato.

6 – Use carona ou transporte público 

Para se deslocar para a universidade opte por carona ou transporte público, isso porque, o combustível e a manutenção de um carro são bastante caros. Divida com um amigo a gasolina, por exemplo, você verá que os seus gastos irão reduzir muito, mas se não tem uma pessoa conhecida que more perto de você vá de transporte público.

Lembre-se que os estudantes tem direito de pagar metade da passagem no transporte público. Essa é uma maneira bem significativa de manter suas finanças organizadas e sua vida de estudante mais calma e com menos contas a pagar.

7 – Faça cursos gratuitos e concorra a bolsas de estudos

Muitas universidades particulares oferecem bolsas de estudos para seus alunos, a grande parte já disponibiliza algum desconto no vestibular, dependendo da pontuação que você alcançar. Durante o curso, você pode se inscrever para desenvolver um projeto de iniciação científica com bolsa ou ser monitor de alguma disciplina.

Essas bolsas, além de ajudar com os descontos na mensalidade ou no pagamento de suas contas, ainda é uma forma de incrementar o seu currículo, deixando-o mais atrativo para as empresas.

8 – Planeje suas compras

Aqui são duas dicas em uma, a primeira é, faça uma lista de compras, assim você não ficará indeciso durante as compras e não comprará por impulsividade. Essa é a pior forma de compra, pois, você compra de tudo sem a necessidade de tantas coisas.

A segunda dica é, não vá as compras com fome, isso porque você começa a pegar tudo o que ver pela frente, sem ver preço, se você gosta ou não daquele produto, você só pensa na sua fome e em satisfazê-la.

Ah! E não se esqueça de pesquisar os preços dos alimentos, pois de nada adianta, por exemplo, você comprar em um mercado caro, se fizer isso, as economias que fez até agora não terão valido nada.

9 – Procure atividades gratuitas 

Existem muitas atividades culturais gratuitas principalmente em regiões que existem universidades, então aproveite para se divertir. Tem muitas atrações para você aproveitar sejam elas em teatros, exposições, shows, atividades esportivas e parques. Certamente você vai encontrar uma atividade que vai te agradar e você não vai gastar nada por ela.

10 – Faça trabalhos para ganhar uma renda extra

Você pode, por exemplo, dar aulas particulares de alguma disciplina que você sabe que é muito bom. Com certeza, aluno é algo que não vai faltar, você pode dar aula para alunos de ensino fundamental ou médio, para aqueles que vão prestar Enem ou vestibulares, para aqueles alunos que estão alguns semestres antes do seu e até mesmo para os seus colegas de sala que tenham dificuldade em alguma disciplina.

Esse é apenas um exemplo de muitos outros que você pode aplicar para ganhar uma renda extra, e tornar sua vida de estudante muito mais viável financeiramente, sem que você precise ficar pedindo dinheiro extra para seus pais todos os meses.

O que você sabe fazer de melhor? Use sua habilidade e melhore sua vida de estudante.

11 – Fuja das academias caras

Você é aquele tipo de pessoa que ama fazer atividade física? Que não falta em uma aula na academia? Isso é ótimo! Significa que você se importa com o seu bem estar e sua saúde, mas qual o valor da academia que você frequenta? Você precisa mesmo treinar nela? Não existem outras opções para que você possa economizar um pouco mais?

É claro que existe! Lembre-se que agora você é um estudante com responsabilidades e contas a pagar, e pode sim optar por uma academia mais barata ou mesmo praticar atividades ao ar livre. Quando você se formar, e suas condições financeiras melhorarem, você pode até voltar para a academia que gosta.

Você não precisa parar de se exercitar, jamais daria essa dica para você, apenas estou sugerindo que você busque atividades que não pesem tanto no seu bolso no final do mês.

Veja o infográfico com 11 dicas para economizar dinheiro com a vida de estudante

11-dicas-para-economizar-dinheiro-com-a-vida-de-estudante-01

E você, o que faz para manter suas finanças em ordem e sua vida de estudante mais tranquila?

Até mais!

comentários (1)

Deixe um comentário

© 2012-2018 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo