Você está aqui:Home » Dicas » Artigos » Fies: tudo o que você precisa saber sobre o financiamento estudantil

Fies: tudo o que você precisa saber sobre o financiamento estudantil

Olá Leitores,

Muitas pessoas que procuram ingressar ou continuar na faculdade ou universidade procuram o Programa de Financiamento Estudantil (FIES) para conseguirem realizar seus sonhos de concluírem uma faculdade na área desejada.

Porém, muitas pessoas não sabem, ao certo, como o programa do FIES funciona e se sentem perdidos por falta de informações. Algumas pessoas deixam de ingressar na faculdade por falta de conhecimento se podem ou não participar do programa do FIES.

O FIES atende pessoas que não possuem um curso superior completo e nem condições financeiras de pagar um curso superior, renda tal que precisa ser comprovada com um rendimento de até 2,5 salários mínimos por pessoa da família.

Com o FIES, você pode financiar até 100% do valor da mensalidade, iniciando o pagamento das mensalidades apenas 1,5 ano depois da conclusão do curso durante um prazo de até 30 anos, com juros de até 6,5% ao ano.

Porém, vale saber que para poder realizar a inscrição no programa do FIES você precisar já estar matriculado em uma instituição de ensino superior. O problema começa a acontecer quando você não consegue o FIES e já está matriculado na instituição de ensino.

Os cursos apenas aparecem na lista para o FIES quando é aprovado segundo a nota mínima de aprovação do ENADE, caso contrário você não poderá solicitar o FIES para o seu curso.

Ao conseguir o FIES, o aluno é obrigado a ter um rendimento na instituição de ensino superior a 75% de aprovação, caso contrário o seu beneficio do FIES será cortado.

Em tempos de crise, muitas restrições foram adicionadas para realizar o FIES, já que o governo está cortando gastos. Confira a seguir as dúvidas mais comuns para quem procura o programa do FIES.

Quem pode se inscrever no FIES?

Pode se inscrever no FIES toda pessoa que ainda não terminou um curso superior que realizou a prova do ENEM a partir de 2010. É necessário ter uma nota superior a 450 pontos na prova do ENEM e não ter zerado na redação.

A renda de até 2,5 salários mínimos por pessoa também deve ser comprovada.

 Quais Faculdades e cursos participantes?

Qualquer instituição de ensino reconhecida pelo MEC, verifique a relação dos cursos, eles precisam ter uma nota maior que 4 no ENADE, caso contrário, não estará disponível.

 Período de Inscrição

São abertas duas inscrições ao ano, uma no primeiro semestre e outra no segundo. As datas são divulgadas na TV e no site no MEC.

 Local para a Inscrição

As inscrições para o FIES são feitas no próprio site do FIES, disponibilizado assim que o período de inscrições abrir.

 Selecionado para o FIES

Após ser pré-aprovado, você deve confirmar e validar seus documentos no portal FIES e na instituição de ensino.  Após esta validação, você deverá ir até um banco solicitar toda a papelada do financiamento.

Atenção ao Prazo

Nunca deixa para fazer as validações na última hora. É um processo complicado e burocrático. Qualquer falta de documento será tarde demais e você terá que esperar o próximo semestre para começar tudo de novo.

Bancos Vinculados

Os bancos que atendem ao programa do FIES são o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal.

Fiador

Por se tratar de um financiamento estudantil, você terá que ter um fiador sim.

Professores podem solicitar o FIES?

Sim, professores também podem aderir ao programa do FIES. Porém ele deve fazer parte do quadro permanente da instituição ou estar matriculado em cursos de licenciatura, sem necessitar ter feito a prova do ENEM.

Para estes casos, uma das formas de quitar a dívida é trabalhar em redes públicas, como escola da família.

Boa Sorte!

Deixe um comentário

© 2012-2016 Canal do Ensino | Guia de Educação

Voltar para o topo